Colocado em 29. Abril 2018 In Francisco - iniciativos e gestos

O Papa comemora a sua onomástica oferecendo 3000 gelados aos pobres de Roma

PAPA FRANCISCO, por AICA •

A Igreja celebra a Memória Litúrgica de S. Jorge (23/4) e o Papa Francisco quis comemorar a sua onomástica, partilhando a doçura de um gelado para que refresque o paladar de pessoas sem-abrigo que, provavelmente, não sonham oferecer-se o prazer de saborear um gelado em plena primavera ou em nenhuma outra estação do ano.

Papa FranciscoPor isso, na segunda-feira, 23 de Abril, a Esmolaria Apostólica, a entidade que dispensa as ofertas de caridade do Papa, distribuiu uns 3.000 gelados aos pobres de Roma. Trata-se de uma atenção fora do comum para aqueles que são, quotidianamente, acolhidos nos refeitórios, nos dormitórios e nas estruturas da capital italiana, desde, as administradas pela Cáritas, à da Comunidade de Sant’Egídio, aos do Centro Astalli até aos de Auxilium.

O gelado faz parte da tradição e das rotas etno-gastronómicas da capital italiana. A arqueologia romana mostra-nos que, os imperadores já eram “fans” desta guloseima gelada e ela era um privilégio, até mesmo, para os “Patrícios”.

Na segunda-feira este privilégio doce chegou a alguns milhares de homens e mulheres que não têm na carteira 4,50 €, que é quanto custa um gelado de duas “bolas” em Roma, graças à carícia culinária pensada pelo Papa que, comunica o quotidiano gosto pelas pequenas coisas da vida e que adoçam a dignidade humana.

Talvez, que estes sem-abrigo que, na segunda-feira comeram o gelado oferecido pelo Papa, pelo facto de serem notícia, demonstraram, uma vez mais, que não são fantasmas mas, o lado ferido de uma parte da sociedade que pede para ser curada, começando, talvez, com pequenos gestos concretos de misericórdia e espalhando o gosto doce de partilhar.

San Jorge viveu no século IIIº (D.C.) e é celebrado desde o IVº século (D.C.) como mártir. A tradição popular representa-o como o cavaleiro que vence o dragão, símbolo da fé que triunfa sobre o maligno. A sua Memória celebra-se, no dia 23 de Abril, também nos Ritos sírio e bizantino.

Original: espanhol (23/4/2018). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *