CEI - los bautizados

Posted On 2022-06-24 In Aliança solidária, Casa Mãe de Tuparendá, obras de misericórdia, Projetos

Preciso de fazer a minha Primeira Comunhão antes de sair…

PARAGUAI, Pe. Pedro Kühlcke •

Pepito estava a preparar-se na prisão para a sua Primeira Comunhão. Alguns dias antes de a receber, disse-me que tinha uma audiência no tribunal. Saiu com toda a esperança de sair e ir para casa, mas infelizmente foi-lhe dito que ainda não ia sair… — 

CELE - Los monaguillos ahora están bautizados

CELE – Os acólitos estão agora baptizados

Primeiro fiquei triste, pa’i! Mas cedo percebi que não estava pronto para sair, porque precisava de Jesus no meu coração antes de ir para casa.

Após a sua Primeira Comunhão, perguntei-lhe como se sentia:

Feliz, pa’i, estou muito feliz! Sinto Jesus no meu coração e já nada mais importa.

Estes foram dias muito abençoados para a Pastoral Prisional “Visitación de María”: na manhã de Domingo, 5 de Junho, o nosso Bispo diocesano, Monsenhor Joaquín Robledo, celebrou uma bela Missa no Centro Educativo de Itauguá. Muitos jovens tinham-se preparado assistindo às nossas catequeses de sábado, e com grande fé receberam os Sacramentos do Baptismo para uns, da Primeira Comunhão e da Confirmação para outros. Foi “caoticamente belo”, como sempre ─ não podíamos perder os enormes bolos para a celebração, nem o cãozinho da foto.

Los confirmados, felices

Os Confirmados, felizes

Nunca houve tantos acólitos numa Missa de jovens!

Nessa mesma tarde, na Missa da juventude em Tupãrenda, estavam os jovens do Centro Educativo La Esperanza, ansiosos por receber os seus Sacramentos de iniciação cristã. Alguns deles, que tinham acabado de ser baptizados, queriam tornar-se acólitos… Nunca houve tantos acólitos numa Missa de jovens!

Dois dias depois, Dom Joaquim veio a Tupãrenda para os Sacramentos dos participantes da Casa Mãe de Tupãrenda. A celebração continuou, no céu e em tantos corações jovens!

Fiquei especialmente impressionado com alguns dos comentários dos próprios jovens, tais como o do “Pepito” acima, ou este, que levou muito a sério a sua preparação:

Fui confessar-me não há muito tempo, mas quero voltar a confessar-me.
Porquê?
– Porque quero que o meu coração esteja limpo para que possa receber Jesus em comunhão neste Domingo. 

Nunca hubo tantos monaguillos en una Misa de jóvenes

Nunca houve tantos acólitos na Missa dos jovens

Ele não se atreveu…

Outro jovem que tinha sido baptizado, tinha-me pedido para ser seu padrinho, e pouco depois foi libertado da prisão. Infelizmente, a tentação era demasiado forte, e ele caiu de novo nos seus velhos hábitos. Quando voltou para a prisão, preparou-se muito seriamente para fazer a sua Primeira Comunhão. Mas alguns dias antes, muito triste, disse-me ele:

Eu não mereço fazer a minha Primeira Comunhão, padrinho! A minha irmã disse-me que não vale a pena eu fazer isto, porque depois do meu Baptismo voltei a falhar, e vou certamente continuar a falhar.

Tentei dizer-lhe que Deus confia nele, ama-o e dar-lhe-á forças para mudar, mas a decepção foi demasiado grande, ele não ousou aproximar-se. Se Deus quiser, da próxima vez ele atrever-se-á!

CMT - Bautismo de un participante

CMT – Baptismo de um participante

Mas talvez Deus tenha outro sonho para mim!

Um dos jovens surpreendeu-me, quando lhe disse, como fiz a tantos:

Deus tem um belo sonho para ti: um dia serás o melhor pai do mundo, e darás aos teus filhos a família que nunca tiveste.
Mas talvez Deus tenha outro sonho para mim!
Qual deles?
Ser um pa’i como tu, levar a Palavra de Deus a muitos outros jovens privados de liberdade, escutá-los e deixá-los aliviar-se e saber que Deus não os rejeita, mas ama-os.

Outro, muito jovem, desabafou:

Sou de um grupo criminoso, trafiquei drogas, fazia coisas muito más de que estou proibido de te falar… Mas agora já não quero continuar assim; quero ser baptizado, preciso de Jesus na minha vida! 

CMT - Confirmación

CMT – Confirmação

As moedas

Um dos baptizados da CMT tinha sido libertado da prisão há quinze dias, tinha-se preparado lá. Trouxe algumas moedas para a colecta da Missa, e ficou muito desapontado, porque não fizemos a colecta. Ofereci-lhe para colocar as moedas na caixa das esmolas no Santuário, o que o fez feliz. Lembrei-me da viúva pobre do Evangelho?

Em Ciudad del Este

Alguns dias mais tarde foi a minha vez de visitar Ciudad del Este, e também O Reformatório de Ciudad del Este. Vários jovens vieram falar comigo pessoalmente. Perguntei a um deles:

Alguma vez pediste um abraço à Mamã Maria?
Sim, pa’i!
Quando?
Em Abril tinhas vindo, e pediste-nos que o fizéssemos. Nessa noite, pedi-Lhe.

Ele ainda se lembrava da minha visita anterior, e do que lhes disse!

Como te sentiste?
Super bem, eu dormi muito bem nessa noite!
E depois?
─ Esqueci-me… mas agora não me vou esquecer mais, com a minha oração nocturna vou pedir um abraço à Mãe Maria todas as noites!

CEI - Los monaguillos, muy concentrados

CEI – Os acólitos, muito concentrados


*A fim de proteger a privacidade dos jovens, e respeitando a lei paraguaia a este respeito, não podemos mostrar os seus rostos ou mencionar os seus nomes.
Donativos
Conta bancária no Paraguai
Banco Familiar
SWIFT FAMIPYPAXXX
Conta corrente: 50 00408672
Em nome de: FUNDAPROVA RUC 80079669-1

Conta bancária na Alemanha
Nome: Schönstatt-Patres International e. V.
IBAN: DE91 4006 0265 0003 1616 26
BIC/SWIFT: GENODEM1DKM
Ao cuidado de: Pe. Pedro Kühlcke, Casa Madre de Tupãrenda

Página web oficial

Todos os artigos sobre a Casa Mãe de Tupãrenda

Bautismo

Baptismo e Comunhão no Reformatório

 

Original: espanhol (22/6/2022). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Tags : , , , , , , , ,

Leave a Reply

Your email address will not be published.