obras de misericórdia Categoria

PARAGUAI, Maria Fischer • “Lembra-se de H. a qem você chamou “Ali” no seu artigo? Perguntou-me ontem o Pe. Pedro Kühlcke. Como não me lembrar desse jovem que conhecemos há dois meses naquele Domingo de chuva torrencial, quando visitámos a cadeia de menores. Este jovem que, com cara triste nos disse que, toda a sua família estava na prisão, em prisões diferentes, obvia e tristemente e que nos confidenciou o seu grande sonho para o dia em que saísse da prisão: ir para Tupãrenda, ou seja, para a Casa MãeLeia mais
PARAGUAI, Maria Fischer com material de http://www.dequeni.org.py/es/ • A campanha de Bolsas “Ajuda-os a moldar o seu futuro” é uma iniciativa de angariação de fundos da Dequeni que procura juntar esforços para apoiar a educação das crianças no início do ano escolar. Consiste numa única contribuição de 500.000 guaranis (75,00 Euros/85,00 US Dólares) que pode ser feita com cartão de crédito através da página da Dequeni ou mediante PayPal, transferência bancária ou cartão de crédito via Fundraisingbox.— “Jeferson teve a oportunidade que os meus outros filhos não tiveram e, agora percebo oLeia mais
PARAGUAI, María Fischer Não se cancela por causa da chuva. Nem sequer se cancela pela chuva torrencial que transformou em minutos, caminhos em riachos e que fez suspender muitas outras conferências e reuniões. Ao meio-dia em 16 de setembro, o primeiro dia após o 50º aniversário da morte do Padre Kentenich, como todos os domingos, o Padre Pedro Kühlcke saiu de Tuparenda caminho a cadeia de menores em Itauguá para visitar aos jovens e celebrar a Missa dominical na humilde capela da prisão. Cristo, o Senhor, saiu à periferia, para fazer-se presente noLeia mais
PARAGUAI, Ana Maria Mendoza de Acha, Presidente da Fundaprova • “Senhora, me dê um emprego. Eu não quero mais roubar … ” Esta frase era ouvida freqüentemente no início da Casa Mãe de Tuparenda. Eles chegam sujos, com rostos tristes, quase depressivos. É difícil perceber que a sociedade e o Estado os empurraram para essa situação. Menos de um mês, vê-los limpos, arrumados, higienizados até os dentes, mostra que este é o caminho e a missão. — Um grande grupo de jovens que não têm acesso a um emprego decente, obviamente devido à falta deLeia mais
PARAGUAI, Ricardo Acosta • Nem o calor úmido nem o tempo nublado foram motivos para ofuscar a grande festa que foi vivida na Casa Mãe de Tupãrenda (CMT). Três adolescentes se formaram e terminaram os nove meses do programa e já trabalham em empresas, contribuindo com suas habilidades e talentos nas áreas em que trabalham.  — Reencontro de Ex-CMT Um fragmento da letra da música de Julio Numhauser, tão popular entre os participantes do CMT, serve como o título apropriado para a crônica desta festa de formatura. Entre as atividades previstas para oLeia mais
PARAGUAI, María Fischer • “Cozinharemos para a prisão do Pe. Pedro” -é uma frase quase convertida em lema antes da visita do Pe. Pedro Kuehlcke em Villarrica. “Não é minha prisão nem vim para visitá-la, mas sim como assessor de Villarrica, comentou ele, embora que as vezes o Pe. Kuehlcke visita a prisão para menores. Para Villarrica as vezes enviam jovens da prisão de menores de Itauguá, perto do Santuário de Tupãrenda, onde ele é capelão e “Pa’i” e muito mais. O envio é uma forma de castigar os jovensLeia mais
PARAGUAI, Cristina Velázquez Faz três anos que a equipe da Liga da Mulheres Profissionais de Schoenstatt vive o “Igreja em saída”, visitando as reclusas do presídio de mulheres do “Buen Pastor” em Assunção. O “culpado” desta saída audaciosa é o Papa Francisco. — Até a periferia – a dez minutos do santuário. A equipe estava buscando no ano de 2015 um apostolado de alto impacto. Ainda ecoavam nelas as palavras do Papa Francisco à família de Schoenstatt na audiência de Roma em 2014, quando recomendava não permanecer a “pentear ovelhas”Leia mais
PARAGUAI, Casa Mãe de Tupãrenda, Ani Souberlich e Maria Fischer • “A verdade é que quero agradecer à professora Natividad, a quem dei muitas dores de cabeça, porque não queria coser…” Ufa! A minha professora de trabalhos manuais, naquele tempo da escola chamava-se Anneliese mas, o resto dessa frase poderia ser o meu testemunho só que, depois de várias tentativas infrutíferas, para me ensinar a coser e de partir a segunda máquina, avaliou-me assim “falta de vontade e de talento, sem remédio”. O resultado, fui dispensado. Mas, na Casa MãeLeia mais
PARAGUAI, Soledad León • Em 2016, a Liga de Mães do Movimento de Schoenstatt, em Asunción, fez sua convocação habitual para a formação de novos grupos, e é aí que esta história começa. Doze mulheres compareceram àquele encontro, guiadas pela profunda devoção que sentiam por Maria, sem imaginar o que a Santíssima Mãe havia preparado para suas vidas:  Alimentar os famintos. — Laura Gonzalez, Diana Arzamendia, Paola Morga, Mirian Larrea, Celeste Bonin, Paola Bieber, Karina Cuellar, Soledad Leon, Adriana Manzoni, Batania Buzo, Esther Ascurra e Paola Noguera vieram de lugares diferentes, com diferentesLeia mais
PARAGUAI, Pedro Cáceres • No ano da misericórdia, o Papa Francisco nos exortou a fazer visitas às prisões, como uma das obras de misericórdia. Um dia, em uma atividade paroquial na frente de muitas pessoas, eu disse que seria muito difícil para mim realizar essa obra de misericórdia, já que eu não sabia quem visitar ou com quem iria. Em meados de 2016, em uma conversa com o Padre Pedro, ele me convidou para acompanhar o Apostolado da Prisão em um sábado. Durante essa semana e depois de pensar muito, decidi aceitar oLeia mais