CMT - Confirmación

Posted On 2022-06-26 In Casa Mãe de Tuparendá, obras de misericórdia, Schoenstatt em saída

Ressuscitar na dignidade e construir melhores horizontes

PARAGUAI, Ricardo Acosta •

Às terças-feiras, é habitual que os participantes do programa da Casa da Mãe de Tupãrenda se preparem cedo, antes do almoço, para depois assistirem à catequese e terminarem com a Missa no Santuário de Tupãrenda. Este 7 de Junho não foi excepção, mas foi o grande dia para receber os Sacramentos do Baptismo, da Primeira Comunhão e da Confirmação para aqueles que se tinham formado – como já pudemos ler no relato do Pe. Pedro Kühlcke, publicado a 24 de Junho. 

Monsenhor Joaquín Robledo foi convidado a presidir a esta memorável celebração e a partilhar o almoço com os participantes. O Padre Pedro Kühlcke e a directora Ani Soüberlich deram as boas-vindas ao Monsenhor, que chegou pontualmente à hora marcada. Um momento agradável foi partilhado durante o almoço que, é fornecido diariamente a cada participante do programa, um alimento que é mais do que essencial para todos eles, já que muitos não têm um prato de comida em casa.

sacramentos

Graças aos voluntários

Após o almoço, os participantes do programa foram falar com o Monsenhor e com o Padre Pedro na sala de costura, onde cada um se apresentou e partilhou as suas experiências no programa. Alguns até demonstraram os seus conhecimentos de guitarra, uma vez que os participantes recebem uma vez por semana lições de guitarra do professor voluntário Marcelo para relaxar e desenvolver as suas capacidades.

Da Casa da Mãe de Tupãrenda à igreja

Quando a hora estipulada se aproximava, às 13h30, quase como a hora normal da Missa semanal em que participam, fizemos fila para ir em peregrinação em direcção à capela da Igreja de Santa Maria da Trindade, onde se realizaria o grande evento. Não foi uma longa caminhada, cerca de 700 metros desde os terrenos da Casa Mãe até ao Santuário de Tupãrenda.

Quando chegámos à capela, um coro promissor com duas guitarras e uma melódica, entre outros instrumentos, estava à nossa espera. Os familiares dos participantes já se encontravam sentados à espera do grande momento. A azáfama da Casa Mãe mudou-se para a capela da Igreja Maria da Santíssima Trindade. Foram fornecidas folhas com os cânticos da Missa e tudo o que era necessário para se iniciar a cerimónia.

sacramentos

A fé que se contagia e renasce

Com os participantes divididos em dois sectores, no um os três Baptismos e os seis recipientes da Primeira Comunhão e no outro os cinco recipientes da Confirmação, todos vestidos com camisas brancas e calças pretas, iniciou-se a memorável celebração da fé. Os sorrisos no rosto de cada um deles eram contagiosos para uma casa quase cheia na capela. Monsenhor Joaquim deu orientações e recapitulou a importância dos Sacramentos e o significado da fé na vida cristã.

O Pe. Pedro, que acompanhou todo o processo, deu instruções sobre como receber os Sacramentos. Em fila, para cada grupo, aproximaram-se do altar com a água benta. O Monsenhor pronunciou o nome de cada um e ungiu com o sinal da cruz a sua testa com o Santo Crisma. Alguns, acompanhados pelos seus pais e padrinhos, assumiram o compromisso de guiar os novos cristãos na fé. Alguns membros da família não conseguiram conter as lágrimas, mas desta vez não de medo ou desespero, mas de confiança, calma e, acima de tudo, de esperança. A esperança que tentamos fazer brotar em cada rapaz que entra no programa, porque para muitos a Casa Mãe tornou-se a luz da esperança ao fim do túnel e a sua única hipótese.

sacramentos

Lanche comunitário

Este grande encontro de fé concluiu-se na Casa Mãe com um delicioso lanche com todos os membros da família, bolos feitos na padaria do programa e chocolate. Este foi o fim de uma grande celebração de se sentirem parte da vida cristã.

Jorge, que foi baptizado, disse:

“A minha mãe é de outra religião e não me permitia ir a outra igreja, mas eu sempre quis ser baptizado; no Centro Educativo também nos vão ensinar aos sábados. E hoje tive a oportunidade e estou muito feliz”. 

Para não fechar oportunidades

A Casa Mãe de Tupãrenda está a atravessar um período de grande necessidade. A burocracia estatal está a impedir a chegada de fundos. A direcção da Fundaprova levantou mesmo a possibilidade de a fechar. É uma decisão difícil, porque as necessidades a cobrir são muitas. Se há pessoas que contribuíram com o seu grão de areia para este nobre propósito ou ainda não o fizeram, NÃO HESITEM em apostar na vida destes 20 jovens que querem aproveitar a sua única oportunidade, a última oportunidade para a maioria deles, para transformarem as suas vidas e as das suas famílias. Não deixemos que essa esperança se desvaneça e apague a luz dentro de cada um deles.

sacramentos

Fazer Donativos
Conta bancária no Paraguai
Banco Familiar
SWIFT FAMIPYPAXXX
Conta corrente: 50 00408672
Em nome de: FUNDAPROVA RUC 80079669-1

Conta bancária na Alemanha
Nome: Schönstatt-Patres International e. V.
IBAN: DE91 4006 0265 0003 1616 26
BIC/SWIFT: GENODEM1DKM
Ao cuidado de: Pe. Pedro Kühlcke, Casa Madre de Tupãrenda



Original: espanhol (24/6/2022). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

 

Tags : , , ,

Leave a Reply

Your email address will not be published.