obras de misericórdia Rótulo

BOLÍVIA, Roberto Henestrosa • No Domingo, 22 de Dezembro, estive em Tarija, um departamento do sul da Bolívia, para um campeonato de futebol com Federico (o nosso filho de 10 anos). Fomos à catedral e fiquei surpreendido ao ver três indigentes na Missa com “cheiro” a álcool, entre outros. — Depois fomos ao pátio central e lá a minha surpresa ao ver mais uns 15 a 20 sem-abrigo. Todos os Domingos lhes fazem um almoçoali. Uma bela obra de misericórdia para ser partilhada. Original: espanhol (26/12/2019). Tradução: Lena Castro Valente,Leia mais
COSTA RICA, Margarita de Escorriola • Neste terceiro Domingo de Advento, o meu IV Curso da União das Famílias da Costa Rica (curso FIDELITAS), saiu pelas ruas da cidade de San José, fieis ao Evangelho do dia que nos pedia para “ir e anunciar”; nós, Fidelitas, fomos ao encontro dos mais necessitados para nos entregarmos com alegria.— Neste tempo de Advento, alegramo-nos porque a vinda do Senhor está próxima e preparamos tantas coisas para O receber! Mas não devemos esquecer-nos, neste tempo, de abrir os olhos e olhar à nossaLeia mais
FRANCISCO, OBRAS DE LA MISERICÓRDIA, com material de AICA • O Ano Santo da Misericórdia já passou…mas as obras de misericórdia, o grande tema desse ano, continuam sendo a prova da autenticidade da nossa Aliança com Jesus. Entre elas, visitar os doentes, os presos… O Santo Padre, no quadro das “Sextas-feiras da Misericórdia” quis retomar este compromisso de misericórdia verdadeira, visitando na sexta-feira, 7 de Dezembro, duas comunidades da periferia de Roma: “”CasAmica Onlus” e a comunidade terapêutica “A Ponte e a Árvore”. — O Papa saiu da Casa SantaLeia mais
PAPA FRANCISCO – OBRAS DE MISERICÓRDIA •  Na tarde de sexta-feira, 16 de Novembro, em vésperas da Jornada Mundial dos Pobres, o Papa Francisco fez uma visita surpresa ao Ambulatório situado na Praça de S. Pedro no Vaticano. A instalação deste Centro de Saúde temporário, é uma das iniciativas organizadas pelo Conselho Pontifício para a Promoção da Nova Evangelização no quadro da Segunda Jornada Mundial dos Pobres que será celebrada no próximo Domingo, 18 de Novembro, e que tem como objectivo dar atenção aos mais necessitados.— “Ele é quem nosLeia mais
PARAGUAI, Soledad León • Em 2016, a Liga de Mães do Movimento de Schoenstatt, em Asunción, fez sua convocação habitual para a formação de novos grupos, e é aí que esta história começa. Doze mulheres compareceram àquele encontro, guiadas pela profunda devoção que sentiam por Maria, sem imaginar o que a Santíssima Mãe havia preparado para suas vidas:  Alimentar os famintos. — Laura Gonzalez, Diana Arzamendia, Paola Morga, Mirian Larrea, Celeste Bonin, Paola Bieber, Karina Cuellar, Soledad Leon, Adriana Manzoni, Batania Buzo, Esther Ascurra e Paola Noguera vieram de lugares diferentes, com diferentesLeia mais
FRANCISCO E AS OBRAS DA MISERICÓRDIA, Álvaro de Juana via ACIprensa • O Papa Francisco voltou a deixar o interior dos muros do Vaticano para visitar a “Casa de Leda”, uma residência que foi confiscada ao crime organizado e que alberga, agora, mulheres detidas e os seus filhos. Continuando com as “Sextas-feiras da Misericórdia” a que o Papa deu início durante o Jubileu da Misericórdia de 2016, Francisco deixou o Vaticano às quatro da tarde (hora de Roma) acompanhado pelo Mons. Rino Fisichella, Presidente do Pontifício Conselho para a NovaLeia mais
Movimento dos Foccolares • No décimo aniversário da morte da fundadora dos Foccolares (2008-2018), as comunidades do Movimento evidenciam a dimensão social do carisma da unidade. “Façamos nosso, o lema “amar com factos” (1 Jo 3,18). Jesus quer que vivamos assim, Ele quer uma caridade para com o próximo que seja serviço concreto. Ele mesmo Se fez nosso modelo quando lavou os pés dos discípulos. Amar com obras concretas. É possível viver assim o dia inteiro […]: um gesto concreto em favor de um irmão, um outro acto de amor paraLeia mais
PARAGUAI, Martin Pereira • João Pozzobon visitava famílias, escolas, hospitais e presídios rezando o terço e ensinando a serem pessoas do bem. Ao ver as necessidades das famílias humildes, seu compromisso com o povo era cada vez maior. Construiu várias casinhas em um terreno seu, onde alojava estas famílias até que pudessem encontrar um trabalho estável e pudessem seguir adiante. Este lugar ele chamou de “A Vila Nobre da Caridade”. Pozzobon dedicou muito esforço àquelas famílias: consagrou vários casais cujos pais não estavam casados, batizou os filhos, deu a primeiraLeia mais
PARAGUAI, Maria Fischer • No dia 21 de março de 2017 na Casa Mãe de Tuparendá (CMT) teve uma grande celebração. A Casa é um centro de formação laboral e de desenvolvimento humano para jovens da cadeia de menores, à sombra do Santuário de Schoenstatt de Tuparendá, fruto permanente do Ano da Misericórdia. Este dia foi de festa pela celebração do Batismo, Primeira Comunhão e Crisma de sete participantes do Projeto da CMT. Estes jovens, por decisão própria, se prepararam muito entusiasmados ao longo destes meses com Cristina Santa Cruz,Leia mais
PARAGUAI, Ani Souberlich e Maria Fischer • O que ficou do Ano da Misericórdia? Uma pergunta que, em parte, o Papa Francisco respondeu em sua carta “Misericordia et Misera”. Ficaram vários momentos que facilitam encontrar o perdão de Deus; ficou o Amoris Laetitia, que só é possível entender lendo; ficou a criatividade em dar resposta as dores e necessidades do ser humano nas obras de misericórdia. O que ficou do ano da Misericórdia? Muito. Ficaram obras de misericórdia que são para sempre. Ficaram dezenas de “Casas Solidárias”. E ficou tambémLeia mais