Colocado em 2019-11-24 In Schoenstatteanos, Vida em Aliança

Pe Ángel Strada: 80 anos da “pessoa que melhor conhece o Padre Kentenich”

Maria Fischer •

No dia 18 de Novembro, Dia da Aliança, e durante tanto tempo dia de celebração do aniversário do Padre Kentenich, o Padre Angel L. Strada celebrou 80 anos de vida, e muitos destes anos ao serviço do Padre Kentenich e da sua obra, do seu processo de beatificação na Igreja e, não menos importante, deste processo de conhecer e compreender verdadeiramente o pai e o profeta dentro da sua própria Obra.—

“…Ele é o nosso irmão mais velho que nos cativou com a sua simpatia, cordialidade, amor à Mater, a sua paz, a sua alegria, mas fundamentalmente com a imagem viva da paternidade do Padre Kentenich”, comentou Carlos Ricciardi, que o conheceu na década de 70 na Argentina. “Vemo-lo e vemos o Pai. Os seus gestos, o seu sorriso, a sua simplicidade, a sua palavra justa e oportuna são alguns dos muitos atributos que Deus lhe deu e que serviram para conquistar os nossos corações na Argentina e em particular os schoenstatteanos de La Plata, onde exerceu o sacerdócio nos primeiros anos do seu frutuoso trabalho pastoral”.

Influencer do Pai

Assim como o Papa Francisco fala de Maria como influencer de Deus, pode falar-se, justamente, do Padre Ángel como “influencer” do Pai.

“O Padre Angel deve ser a pessoa que melhor conhece o Pai e Fundador por causa de tudo o que teve que pesquisar e ler para o trabalho de postulação, além de ser da última geração de Padres que o conheceram pessoalmente”, comentou Carlos Ricciardi.

Se alguém  procura um comentário do Padre Kentenich sobre tal ou qual assunto, e o Padre Ángel não o conhecia, então ele não existe. Tão simples. Quem teve que ler tudo o que o Padre Kentenich escreveu e disse, conhece-o profunda e amplamente. Mas seria um erro reduzir o Padre Ángel a uma Wikipédia da vida e do ensinamento do Padre Kentenich.

De modo pessoal o que me vem ao pensamento quando penso no Pe. Ángel é a sua busca do “verdadeiro Padre Kentenich”, desde insistir em não se encobrir as condições da sua infância como filho de uma mãe solteira até enfrentar partes dos seus escritos difíceis de entender e facetas humanas de uma pessoa que teve que lutar pelo seu caminho, pela sua missão e pela sua santidade.

Para o processo de beatificação do Padre Kentenich disse a mim mesmo que devemos renunciar a uma imagem do nosso Fundador onde tudo é perfeito, onde houve santidade desde o início. Este Kentenich não existia”, disse ele numa entrevista em Dezembro de 2016, pouco antes de entregar o seu cargo de postulador ao seu sucessor. “Muitos manifestaram que recordar as facetas humanas do Pai Fundador os ajudou a valorizar mais a sua figura. E que evitava o perigo de fazer do Fundador uma figura mítica. Que uma insistência unilateral nas virtudes heróicas e numa vida impecável, por vezes, era um obstáculo à nossa identificação com ele”.

Feliz aniversário, Padre Angel Strada, e parabéns, Schoenstatt, por poder contar com um”influencer do Pai” como ele.

 

Foto: Brehm, www.schoenstatt.de

Entrevista de 2017

Um vínculo pessoal com o fundador que leve a encontrar-se com a sua paternidade e também com a sua professia

 

 

Entrevista de 2016

Temos de renunciar a uma imagem do nosso Fundador, onde tudo é perfeito

 

 

Original: espanhol (17/11/2019). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *