Schoenstatt Rótulo

e-books
CHILE, equipa editorial • Muitos dos livros publicados por Nueva Patris, entre os quais há vários com textos originais do Padre Kentenich, bem como introduções a temas importantes de Schoenstatt, estão disponíveis para serem adquiridos como e-Books através do link: https://ebooks.patris.cl/library. — O tema do envio de livros por correio foi sempre um desafio que, muitas vezes falhou devido à falta de números EORI, ao desalfandegamento, aos impostos elevados e aos elevados fretes. “Chega de esperar que alguém o traga do Chile numa mala”. Poderão descarregá-los num tablet, portátil, notebookLeia mais
sol
H3M (Histórias de três minutos), Paz Leiva • Parece que entre a pandemia e a “causa Kentenich” muitos schoenstatteanos não sabem como olhar para o futuro. O esgotamento pandémico tem-nos desorientado. Ao pensar neste assunto, há já algum tempo que uma história me vem à cabeça: — Uma família com vários filhos estava de férias na praia. As crianças estavam a brincar e os pais estavam a ler à sombra de um toldo, até que alguém notou que Lucas, o filho mais novo, tinha desaparecido. Ainda não tinha três anosLeia mais
Brasil, Pe. Matheus da Silva Bernardes • O texto publicado pela Presidência Internacional da Obra de Schoenstatt pelo site oficial schoenstatt.com em 10 de março de 2021 mantém o tom de textos anteriores, isto é, a ausência de autocrítica construtiva e a absoluta incapacidade de empatia para com as vítimas de abuso. – Quando se imagina que toda a problemática em torno da pessoa do Pe. José Kentenich, fundador do Movimento Internacional de Schoenstatt, esteja se acalmando, novas situações mostram que um desfecho ainda está longe de chegar. Essa problemáticaLeia mais
Rafael Mota Focolare fidelidad dinámica
Pe. Rafael Mota, padre de Schoenstatt, Brasil • Gostaria de partilhar minha intuição sobre a recente mensagem do Papa Francisco ao Movimento dos Focolares no início deste mês. — Por que esta mensagem nos interessa? Estritamente, trata-se de uma reflexão destinada aos Focolares. Por tanto, não podemos simplesmente transporta-la à nossa realidade. Na estrutura organizativa da Igreja, os Focolares e Schoenstatt pertencem à mesma categoria – movimentos e novas comunidades – mas não podemos assumir que as palavras dirigidas a um se apliquem diretamente ao outro. No entanto, algo nosLeia mais
2020 peor año
ARGENTINA, Juan María Molina • A revista Time nos Estados Unidos publicou a sua sentença numa capa no início de Dezembro: “2020 the worst year ever”  (o pior ano de sempre). Para aqueles de nós que, não se dão muito bem com o inglês, o desenho foi ainda mais eloquente: esse 2020, riscado a vermelho. Não é preciso forçar o meu pobre inglês nem, a escassez da moeda americana para imaginar as razões dadas dentro da revista. Sem dúvida, fomos testados de todas as maneiras e, as dificuldades próprias, sóLeia mais
ALEMANHA, Maria Fischer • “Impressiona-me a visão de futuro do Padre Kentenich. É comovente e tão actual”, diz Petra Stegemann, patrocinadora da “Associação de Ajuda à Casa natal do Padre Kentenich”, fundada em 2005 e presente neste 16 de Novembro de 2019 para celebrar, juntamente com a Paróquia e o Movimento de Schoenstatt, o aniversário do “filho mais velho de Gymnich”, segundo Ludwig Schlömer, também da Associação. —   “Vieram mais do que aqueles que se tinham inscrito”, diz o Pe. Pikos, pároco de S. Cuniberto, quando, como por magia,Leia mais
Nicaragua
NICARÁGUA, Pe. José Luis Correa/Maria Fischer • “Este Dia da Aliança chama a nossa atenção para o facto de que os passos decisivos do crescimento de Schoenstatt não aconteceram com a brisa da noite, mas no duro clima da Primeira Guerra Mundial, bem como em Dachau e Milwaukee”, disse Monsenhor Michael Gerber no dia 18 de Outubro em Schoenstatt. O clima de crise na Nicarágua, que deixou cerca de 300 mortos em protestos e manifestações contra o governo, também é severo. —   Foi denunciado que mais de 600 opositoresLeia mais
CHILE, Redacção ACI Prensa • Seis novos sacerdotes ordenados no Santuário de Schoenstatt de Santiago (Chile) receberam a importante missão de descobrir os irmãos e irmãs que sofrem e com eles lutar contra as causas de injustiça e dor que hoje se tornam visíveis nos protestos.— A mensagem do Administrador Apostólico de Santiago, Mons. Celestino Aós, situou-se no contexto das manifestações de cidadania devido à falta de políticas públicas que permitam uma vida digna, especialmente para as pessoas mais vulneráveis. Estas exigências sociais têm sido expressas através de protestos pacíficosLeia mais