Nueva Helvecia Uruguay

Colocado em 2020-11-27 In A Aliança de Amor Solidaria em tempos de coronavírus

Uruguai celebra a Aliança de Amor – perto à distância

URUGUAI, através de schoenstatt.org.uy •

O Uruguai é o país do primeiro Santuário Filial, um país à espera do seu segundo Santuário Filial em Montevidéu e com Ermidas em Salto e Punta del Este. Em cada um destes lugares o Movimento celebrou a Aliança de Amor no passado 18 de Outubro – de uma forma diferente por causa da pandemia, mas com muito amor e empenho. —

Nueva Helvecia

Nueva Helvecia, Uruguai

Nueva Helvecia

Recordaremos este 18 de Outubro de 2020 de forma diferente da que estávamos habituados a comemorar. Apesar desta pandemia, que mudou completamente a nossa vida quotidiana em todas as áreas (familiar, espiritual, laboral) e faltando o abraço, os encontros, as conversas enriquecedoras sobre o Movimento, a vida do Padre Kentenich, a Campanha da Mãe Peregrina, João Pozzobon e o seu trabalho, a oração do Santo Terço no dia 18 de cada mês, tudo isto de que desfrutávamos plenamente. A nossa querida Mãe Três Vezes Admirável, Rainha e Vencedora de Schoenstatt, demonstrou mais uma vez, que pela Sua mão e pela mão do Seu Filho, tudo é possível. Mudámos a modalidade de rezar o Terço com reuniões e encontros virtuais, em todo o mundo, utilizando a tecnologia a nosso favor e, afirmando que o poder da Mãe  não cai perante nenhum inimigo e que a nossa fé e confiança devem ser firmes.

Fui abençoada por poder estar presente. O Santuário recebeu-nos como sempre: belo, cheio de flores, com aquela paz que nos abraça docemente e, o mais importante, representando todos os irmãos e irmãs na Aliança. Cada um dos agradecimentos e petições foram entregues no altar. Os avisos meteorológicos, a tempestade que se aproximava e o céu coberto de nuvens negras foram superados por Maria, uma vez que o Terço na tarde de sábado, com um caminho iluminado para o Santuário, foi testemunha do Seu maravilhoso amor! A noite chegou, no meio de orações, cânticos e muito amor que se respirava no ar. A tempestade passou e deixou um céu totalmente limpo e a certeza de que o poder da oração é Infinito, quando vem de um coração aberto que está pronto a receber. Aqui, a Mãe ensinou-me, mais uma vez, outra lição de vida. Qual foi? Que não tinha que sentir culpa por estar lá e outras pessoas não, que sem importar o lugar físico, Ela está presente no nosso interior se permitirmos a Sua entrada.

“Pode-se estar perto à distância” e essa foi a resposta. A relva estava cheia de pegadas de todas as cores, idades, pedidos, agradecimentos, que me fizeram senti-las ali, ao nosso lado. Pensei em como poderia descrever e partilhar os meus sentimentos convosco numa frase… e isto é “Intimidade com Ela, uma troca de corações, como Ela nos ensinou”.

Sinto-me muito abençoada e grata a Deus por fazer parte desta Família. Obrigado.

No Domingo, dia 18, Monsenhor Collazzi presidiu a Santa Missa no Santuário.

Liana Ruggiero

Montevidéu

Em Montevidéu, o Pe. Valentin Goldie, sacerdote diocesano de Schoenstatt, celebrou a Missa de Aliança.

Montevideo

Montevidéu, Uruguai

“Lembro-me que em Março, quando a gravidade da pandemia ainda não era conhecida no Uruguai, o Padre Pablo Coimbra fez um post na sua conta do Facebook, exortando todos os padres a imitarem o exemplo dos grandes santos que levaram os Sacramentos aos doentes em tempos de peste”, disse ele na sua Homilia. “Felizmente, por agora não houve necessidade de o fazer, mas se acontecer,assim se fará. Eu sei que há muitos médicos no nosso Movimento. A possibilidade de a Providência exigir deles uma resposta heróica ainda está sobre a mesa e por agora não aconteceu, mas se acontecer,mãos à obra. A resposta heróica também pode ser dada em pequenas respostas. Os estudantes tiveram de o fazer e aqueles de nós que dirigem instituições de ensino também. Ainda não sabemos a resultante criadora disto, mas sabemos que se fizermos o que temos de fazer… Maria fará algo, e algo acontecerá.

Convido-vos hoje a renovarem a nossa Aliança de Amor, aquela Aliança que selámos um dia, unindo-nos à Aliança de 18 de Outubro de 1914 e comprometemo-nos, perante a situação que tenhamos de viver, a dar respostas de amor e a oferecê-las como Capital de Graças a Maria, porque sabemos que Ela faz algo com o que lhe damos”.

Punta del Este

Punta del Este, Uruguai

Punta del Este

Gostaríamos de partilhar convosco a bênção da capela da 34ª paragem de La Brava. A cerimónia foi conduzida pelo Padre Julio Fernández Techera SJ, e teve lugar no Domingo passado, dia 18. A celebração começou com cânticos marianos e o Padre escolheu o texto do Segundo Mistério Gozoso: A Visitação de Maria a Isabel.

A reflexão do padre centrou-se na atitude de serviço de Maria atravessando a Judeia, a pé, para ajudar a Sua prima e ficar com ela durante algum tempo. Uma Virgem que sai ao encontro; da mesma forma que, neste lugar, a Mãe de Deus sai para a encruzilhada das pessoas que, por aqui passam, enchendo-nos de bênçãos.

O padre deixou-nos com uma frase de Santo Inácio “Mãe, leva-me ao teu Filho“, que capturou os nossos corações.

Terminámos com a oração do Terço.

Moni y Edu

Salto

Em Salto, várias pessoas selaram a sua Aliança de Amor neste dia. Partilhamos testemunhos de alguns deles.

Senti-me convidada por Maria, a Mãe, através do convite da Maria Elvira, com quem partilhei vários Terços a Maria e em comunidade. Assim, senti no meu coração que o sim à Aliança é mais um passo no meu crescimento espiritual, num Movimento de leigos com uma sólida espiritualidade mariana e comprometidos com a Igreja e o mundo.

A proposta de forjar uma cultura de Aliança foi muito mobilizadora. É um apelo a testemunhar com a minha vida, palavras e acções, a presença viva de Cristo através de Maria, indo em peregrinação com Ela para o céu prometido.

Além disso, a fé prática do Pe. Kentenich na Divina Providência confirma-me o que vivi em criança com os Pobres Servos  da Divina Providência na Escola de Santa Cruz.

Assim, no dia da Missa senti-me esperada, mimada e profundamente amada por Deus, o Bom Pai, através da Mãe. “Nada sem Ti, nada sem nós”.

Uma grande alegria na alegria de viver esta Aliança e de dar a Maria e a Jesus o trono do meu coração. Ámen! Aleluia!

Raquel Marteluna

O Domingo foi um dia especial, muita emoção, nervosismo, mas também muita segurança, muita fé.  Agradeço a todos por todos os ensinamentos.

Eliana

A 500 quilómetros de distância, a Mãe faz-nos sentir que, aqueles que selaram esta Aliança, estão dentro do nosso coração. Não pudemos fazê-lo pessoalmente, mas espiritualmente estávamos na Ermida. Amamo-los como Ele nos amou. É uma emoção que eu nunca imaginei.

Luis de Montevideo

Salto Uruguay

Salto, Uruguai

Fonte: www.schoenstatt.org.uy – Com autorização dos Coordenadores Nacionais do Uruguai: Gabriela Boffano e Norberto Cánepa

 

Original: Espanhol (25/11/2020). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *