Colocado em 21. Dezembro 2015 In 100-casas-de-solidaridade, Aliança solidária, Em Aliança solidária com Francisco, obras de misericórdia, Schoenstatt em saída

Um fruto do jubileu: cento e cinquenta famílias sob um teto firme durante a tempestade

PARAGUAI, por María Fischer •

“A iniciativa privada de uma integrante de nossa Família no espírito do ano jubilar, de construir no coração de Paraguai as infra-estruturas básicas para casas que pudessem seguir sendo construídas por seus beneficiários, nos levou a decidir que o regalo que podemos fazer a sua Santidade por esta Aliança solidária e com o apoio de amigos e conhecidos, é entregar cem casas básicas a cem famílias que vivem na extrema pobreza. Elas serão a lembrança viva de nossa Aliança de Amor com sua Santidade…”

Estas linhas de uma carta ao Papa Francisco escrita em vésperas do jubileu vieram a minha mente ao receber as notícias da forte tempestade que atingiu grande parte de Assunção e da região central do Paraguai na sexta-feira passada, causando duas mortes e grandes danos. As ruas e estradas se transformaram em rios caudalosos, caíram grandes árvores e milhares de pessoas ficaram sem luz, sem água…

Em meio a esta destruição, mais de cento e cinquenta famílias viveram esta tempestade sob um teto firme, numa casa humilde que não caiu, seguramente com angústia, mas num lugar seguro… e isto graças ao regalo jubilar das “Cem casas solidárias”, que agora já são mais de cento e cinquenta, algumas delas terminadas dias antes da tempestade. Cento e cinquenta famílias que antes sobreviviam sob rudimentares tendas de plástico…

Frutos do jubileu

São frutos do jubileu. Fica algo verdadeiro do jubileu que fala de um Schoenstatt em saída. Ainda que poucos dos que contribuíram em nome de seus santuários filiais, santuários do lar, santuários de projetos, paróquias ou do coração,  podem “sair” para visitar estas casas, todos eles foram ao encontro destas famílias que viviam em extrema pobreza, dando algo, e em muitos casos muito, de seu dinheiro, ou, no caso dos “construtores” em Paraguai, de seu tempo, de sua força, de sua criatividade.

Num dado momento pedi desculpas a Ulrich e Melanie Grauert, de Suíça, por não haver tirado fotos de “suas” casas solidárias, simplesmente por não haver chegado até elas. A resposta de Uli Grauert ficou gravada em mim: “Não vejo apenas nossas casas, mas todas. Quero ser e me sinto parte da totalidade das casas solidárias, de algo realmente grande…”

Uma geladeira e uma máquina de lavar roupa

Neste momento, Ani S., que há mais de dois anos estimula esta “grande” iniciativa, está levando uma máquina de lavar roupa e uma geladeira para a família que vive na casa que tem o nome do santuário do “Hogar de María” em Mar del Plata, um lar para crianças com necessidades especiais. Nesta casa vive um jovem que cuida de sua mãe e seus três irmãos com necessidades especiais que vivem prostrados. A benfeitora não estava tranquila até conseguir estes dois utensílios para “sua” família.

“Porfirio não tinha palavras para agradecer as pessoas generosas que lhe fizeram este presente, lembrou-se muito bem de você, Maria, e me disse que era um anjo do céu para sua família. Agradeceu-me que tenha levado você a sua casinha. Sua mãe, Leónida, me disse entre lágrimas em guarani: “Que Deus, a Virgem Maria, lhes regale o dobro a você Ana, a María e a família que nos fez tão grande presente: Tupãsy Caacupé orovasá peeme: “que a Virgem de Caacupé abençoe vocês”.

“Sobram 150 Euros da generosa doação. Não compramos o forno que os benfeitores haviam pensado em primeiro lugar, pois Porfirio disse que necessita muito mais urgente um cortador de grama como ferramenta de trabalho para ter uma fonte de ingressos para sua família. Que pode seguir usando seu fogareiro. Já tem o mais importante para nosso clima tão quente: uma geladeira para ter água fria, gelo e poder guardar alimentos que necessitam refrigeração, como leite, fruta, verdura. E a máquina de lavar roupa para que sua mãe, que está velhinha, não tenha que lavar a mão tanta roupa de cama…”

“Já falei com uma família para que neste Natal encham sua geladeira de alimentos. Pois Porfirio realmente trabalha no que seja para levar o pão de cada dia para seus irmãos”, comenta Ani, com a certeza de que o que ainda falta para comprar o cortador de grama (250 €) logo chegará.

1- Bajando Heladera 2

Vínculos, laços, solidariedade

Vínculos, laços. “Schoenstatt.org quer estabelecer laços entre as diferentes culturas e mentalidades que representamos, mediante o intercâmbio de informação sobre a vida que se desenvolve nas variadas atividades apostólicas que existem no seio de nossa Família de Schoenstatt, especialmente no seu serviço para a Igreja e a sociedade local na qual estamos inseridos”, resumiu o P. José María a tarefa desta página. Uma máquina de lavar roupa e uma geladeira falam destes vínculos reais.

Seguimos

Quando não chova um fim de semana, e quando houver doações, seguiremos construindo casas solidárias.

Ainda há santuários filiais no mundo que não tem uma casa solidária em seu nome. Há também santuários do lar que tampouco o tem. Lembremos a história da primeira casa solidária construída em nome de um Santuário do Lar de Espanha: Uma menina entregou como parte da contribuição de sua família, seu cofrinho no qual juntava os presentes que lhe fazia “o ratinho Pérez” – tradição espanhola – por cada dente que se lhe caía, para que algumas crianças em Paraguai tivessem o que ela sempre teve: um lar com sua família.

Ainda existem famílias em extrema pobreza esperando uma casa.

Quantas portas da misericórdia se abrirão em nossas casas solidárias?

7b- Ulm Söflingen 3

ES_Button_Casas

 

 

A doação necessária para uma casa é de 200 € / 250 US$

TRANSFERÊNCIA PARA A CONTA DE DOAÇÕES EM PARAGUAI

Ana Esperanza Souberlich Martinez
N° de conta: 7.0175419/0
BIC UBBRPYPX
Banco Itaú Paraguay S.A. Asunción
Paraguay

TRANSFERÊNCIA PARA A CONTA DE DOAÇÕES (SEPA) – Opção para doações desde Europa

M. Fischer
IBAN DE08400602650062268615
BIC GENODEM1DKM
Uso previsto: Um teto para abrigar

Nenhuma destas opções? Temos outras soluções:  [email protected]

Fotos das casas solidarias
Original: Espanhol. Tradução: Lena Ortiz, Ciudad del este, Paraguai

Etiquetas: , , , , , , , , , , , ,