Colocado em 7. Dezembro 2016 In Igreja - Francisco - movimentos

Começou o ano jubilar pelos 100 anos das aparições de Fátima

PORTUGAL, via AICA •

O Santuário de Fátima, em Portugal, iniciou o Ano Jubilar, pelos 100 anos das Aparições de Nossa Senhora aos Pastorinhos, com uma Missa na Basílica da Santíssima Trindade, presidida pelo Bispo de Leiria-Fátima, Mons. António Marto, no passado Domingo dia 27 de Novembro. O Papa Francisco concedeu indulgência plenária durante todo o Ano Jubilar que terminará em 26 de Novembro de 2017 e tem por Lema. “O meu Imaculado Coração será o teu refúgio e o caminho que te conduzirá até Deus”.

Durante a Jornada de abertura do Jubileu o Bispo de Lamego, Mons. António Couto, explicou o significado do tema, assinalando que, “a luz de Fátima que surge em 1917 nos vem dizer, hoje, que o caminho fechado da Humanidade, da Humanidade sem Deus, provoca guerras sem fim, fossas comuns sem fim, como nunca houve na história da Humanidade”.

Por outro lado, Mons. Couto assinalou que a celebração de um Ano Jubilar é ocasião para “fazer nascer comunidades” e transformar “o “eu” e o “tu” em “nós” e em “vocês” e, acrescentou além disso que “o essencial deste Jubileu é fazer nascer pessoas reunidas à volta de Maria e à volta deste Pão que, é Jesus, fruto bendito do ventre de Maria”.

“Se conseguirmos isto, neste Ano Jubilar, conseguimos muito”, concluiu o Bispo de Lamego.

O Pórtico Jubilar

O Santuário mariano tem, neste Jubileu, um “pórtico” que foi criado com a intenção de dotar o Santuário de “um elemento visual” para a celebração dos 100 anos das Aparições, ao mesmo tempo que, se evoca “a memória do arco que em 1917 assinalou o lugar das Aparições e, sob o qual, foram fotografados Francisco, Jacinta e Lúcia”,

Uma nota de imprensa do Santuário assinala que o novo pórtico simboliza a ideia de uma “porta santa”, pois, “a sua estrutura desenha-se em torno do conceito de marco que, assinala um lugar sagrado e a sua configuração é a de uma porta encimada por uma cruz”

Oração Jubilar

Salve, Mãe do Senhor,
Virgem Maria, Rainha do Rosário de Fátima!
Bendita entre todas as mulheres,
és a imagem da Igreja vestida da luz pascal,
és a honra do nosso povo,
és o triunfo sobre a marca do mal.

Profecia do Amor misericordioso do Pai,
Mestra do Anúncio da Boa-Nova do Filho,
Sinal do Fogo ardente do Espírito Santo,
ensina-nos, neste vale de alegrias e dores,
as verdades eternas que o Pai revela aos pequeninos.

Mostra-nos a força do teu manto protetor.
No teu Imaculado Coração,
sê o refúgio dos pecadores
e o caminho que conduz até Deus.

Unido/a aos meus irmãos,
na Fé, na Esperança e no Amor,
a ti me entrego.
Unido/a aos meus irmãos, por ti, a Deus me consagro,
ó Virgem do Rosário de Fátima.

E, enfim, envolvido/a na Luz que das tuas mãos nos vem,
darei glória ao Senhor pelos séculos dos séculos.

Ámen.

 

http://www.fatima.pt/  (em sete línguas)

Fonte: AICA

Foto acima de AracuanoObra propia,  CC BY-SA 3.0, Link

Original: espanhol. Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , ,