Colocado em 5. Novembro 2017 In Campanha

Um mês cheio de graças e encontros para a Campanha da Mãe Peregrina em Portugal

PORTUGAL, Ana Pinto Camelo •

No passado dia 1 de Outubro aconteceu o “ Encontro” da Mãe Peregrina no Santuário de Nossa Senhora da Conceição, no Alentejo.

Três os momentos altos deste Encontro:

O primeiro foi a chegada e acolhimento das Mães Peregrinas de várias localidades desta zona do Alentejo, tais como Évora, Estremoz, Borba, Coruche e Campo Maior, que foram sendo colocadas aos pés da Padroeira.

O segundo, o ponto alto de todo o Encontro, a Eucaristia. Nesta Eucaristia a intenção principal foi a Ação de Graças pela caminhada de Fé dos devotos da Mãe Peregrina e a apresentação do Tema/Lema para o próximo Ano, a Visitação.

E o último, a Consagração das Famílias à Mãe Peregrina.

Foi uma tarde plena de Graças de Deus e da Mãe Peregrina.

 “Em cada mês um novo encontro”

Na celebração do Dia da Aliança na Paróquia de S. João de Deus (no terceiro sábado à tarde) as imagens permaneceram durante a missa das 19h00m, que foi animada pelos escuteiros e celebrada pelo sempre bem disposto Padre Robson, que nos concedeu a alegria de, espontaneamente, referenciar as famílias de Schoenstatt presentes.

Ficou uma proposta, uma meta, uma conquista pessoal mínima como Missionárias, para cada mês do próximo ano: “Em cada mês um novo encontro” ou seja, em cada mês levar uma imagem a pelo menos mais uma família, a mais uma amiga e até a quem não se conhece muito bem…

A Campanha também esteve muito presente na celebração do 18 de Outubro no Santuário de Lisboa.

Testemunhos da Paroquia de Cascais

Obrigada por vires à minha casa.

Peço-te que lances sobre a nossa família a tua protecção (que tanto precisamos). Dá-nos a tua luz e o teu olhar terno e protetor, segura-nos na mão; se caímos levanta-nos fazendo-nos olhar para o teu filho Jesus. Traz paz e harmonia a todos nós. Ensina-nos também a rezar insistentemente. A oração faz-nos sentir mais próximos de ti, e é isso que precisamos e que temos que aprender cada vez mais, dá-nos essa graça.
Obrigada Querida Mãe!”

Receber a Querida Mãe Peregrina em nossa casa é tempo de alegria e gratidão. Uma companhia maternal que atrai a si todos nós e torna a oração desta família mais viva e mais real! Obrigada Mãe por todas as graças que recebemos!”

Etiquetas: , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *