Federación de Madres - foto grupal

Posted On 2022-09-11 In Vida em Aliança

Constituição da União Internacional das Mães de Schoenstatt

COMUNIDADES, Claudia Echenique / Maria Fischer •

A União Internacional das Mães de Schoenstatt reuniu-se em Capítulo Geral para estabelecer oficialmente a sua comunidade e eleger o seu primeiro Conselho Geral. Numa Missa festiva, celebrada pelo Pe. Juan Pablo Catoggio, concelebrada por três Padres de Schoenstatt, e na presença dos participantes do Capítulo Geral da União Apostólica das Famílias, foi apresentado o Documento Fundador e celebrada a Constituição da União Apostólica Internacional das Mães de Schoenstatt. —

8 de Setembro, a Natividade de Maria, é também o aniversário da fundação da União das Mães, em 1950. Os trabalhos preparatórios para a fundação desta União Internacional começaram em 2002. O lema da União Apostólica das Mães de Schoenstatt é: Maria, quem me olhar, Te veja.

O capítulo (4 -10/9/2022) contou com a presença de mães de: Alemanha, Argentina, Brasil, Chile, EUA, Paraguai, Portugal, África do Sul, Suíça.

O primeiro Conselho Internacional da União das Mães foi eleito com cinco mães, todas do continente americano:

O novo Conselho está integrado por:

El nuevo consejo está integrado por:

Chefe do Conselho Internacional Kathy Colunga USA
Sub -chefe do Conselho Internacional Matilde Di Battista de Giménez Argentina
1ª Conselheira Maura Regina Santana de Jesus Brasil

2ª Conselheira

María Cecilia Brunner Moreno Chile
3ª Conselheira Norma Pistilli de Figueredo Paraguai

 

Federación de Madres - Dirección Internacional

Conselho Internacional da União das Mães

A transmissão permitiu a participação de muitos países

A Missa celebrada na Igreja da Adoração no Monte Schoenstatt e transmitida pela televisão de Schoenstatt, foi acompanhada por muitas mães de diferentes países. A Missa foi por vezes em alemão e também em inglês, português e espanhol.

No início, explicaram que “o motivo da celebração foi a constituição oficial da União Internacional Apostólica das Mães de Schoenstatt, após muitos anos de intensa preparação. É um acontecimento significativo na história da Família de Schoenstatt e um marco na história da União das Mães, tornar realidade o desejo do fundador, Padre José Kentenich, de que em muitas mulheres e mães haja um pouco de Maria”.

Federación de Madres

Imagem do ecrã

Um chat muito activo para saudar e expressar gratidão

As mães que participaram através da transmissão foram muito activas no chat da transmissão. Aí, as mensagens multiplicaram-se para celebrar a fundação e para saudar os membros do Conselho.

  • “Obrigado a todas as Mães Federadas que trabalharam intensamente por este marco tão importante para a União Apostólica Internacional” – Graciela Cajide
  • “Do Santuário Jardim de Maria, Tucumán, Argentina, abraçamos estas nobres mães que estão a enfrentar um desafio tão abençoado” – Carol De Pidutti
  • “Do Santuário Tabor Maria Cor Ecclesiae, Porto Alegre, Brasil, saúdo a União de Mães de Schoenstatt. Que Deus vos abençoe na missão, com a protecção da MTA” – Marcia Kazumi
  • “Muitas bênçãos para as novas autoridades desde Florencio Varela, Argentina” – Nancy Fernandez
  • “A Mãe Santíssima implore o Espírito Santo Criador para o novo Conselho. Obrigado, Federadas, por tanto trabalho e dedicação” – María Isabel Mendizábal
  • “Concede-nos as graças da fidelidade, querida Mãe” – Ivette Ferreira
Federación de Madres

Imagem do ecrã

À aceleração dos acontecimentos, respondemos com uma aceleração do compromissocompromiso

O Pe. Juan Pablo fez a sua Homilia em alemão, inglês e espanhol. Referiu-se aos marcos de Schoenstatt e ligou a União Apostólica que surgiu em Hoerde em 1919 com a União das Mães como uma comunidade e uma escola de líderes apostólicos para a Igreja. Disse: “Kentenich caracterizou os marcos da história de Schoenstatt como momentos de condensação da nossa história e também como momentos de aceleração, uma palavra muito típica do Pe. Kentenich, que ele repete em torno dos marcos. Basta pensar no Documento Fundador de 18 de Outubro de 1914: traz o título: ” Aceleração do desenvolvimento da nossa própria santificação e, desse modo, transformação da nossa Capelinha em lugar de peregrinação”.

E em todos os marcos, e neste que hoje celebramos, podemos ver uma tripla aceleração: dos factos, dos desafios e das dificuldades. Podemos vê-lo nestes tempos em que vivemos no mundo, na Igreja e em Schoenstatt.

A esta aceleração dos acontecimentos, devemos responder, na Aliança, com uma aceleração

  • da nossa entrega
  • do nosso compromisso
  • da nossa contribuição para o Capital de Graças
  • da nossa aspiração à santidade
  • do nosso compromisso espiritual, comunitário e apostólico
  • da nossa magnanimidade
  • da nossa internacionalidade

E por tudo isto, esperamos uma “aceleração da graça, vinda do céu”. Que a Mater intensifique a sua acção a partir do Santuário em vós e através de vós, mães da União, em todos. Que a Mater derrame a Sua bênção sobre todos os homens e mulheres do nosso tempo.

As boas-vindas à comunidade da União

Federación de Madres

Foto: Paz Leiva

No Ofertório, juntamente com o pão e o vinho, foi trazido ao altar o documento da fundação da União Internacional e 72 rosas que simbolizam os 72 anos da fundação da União das Mães em 8/9/1950.

Antes da bênção final, teve lugar a aceitação da missão e a consagração. Às propostas do Pe. Juan Pablo em alemão para dar este passo, assumindo o carisma e a missão do fundador, cada uma respondeu na sua própria língua com a sua oração e o seu empenho pessoal. “Como herdeiras de Hoerde, comprometemo-nos a assumir o carisma e a missão do nosso Pai e Fundador com responsabilidade e fidelidade, (…) a trabalhar em conjunto no respeito e diversidade das culturas, para que a missão do fundador seja conhecida em todas as áreas em que actuamos…”.

No final da Missa, o Pe. Juan Pablo Catoggio e os novos chefes da União Apostólica das Famílias felicitaram as mães e deram-lhes as boas-vindas à comunidade das Uniões constituídas internacionalmente.

O novo Conselho da União das Mães, juntamente com os sacerdotes, foi ao túmulo do Pe. José Kentenich para ali colocar e oferecer o documento fundador e a tarefa que começa a partir de agora.

Vídeo da Missa de 8/9/2022

Fontes consultadas: Schoenstatt TV. Colaboração: Paz Leiva

Original: castelhano (10/9/2022). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Tags : , , , , ,

Leave a Reply

Your email address will not be published.