diversidade Rótulo

Pazos de Toledo

Colocado em 23.02.2022In CIEES

Porquê a Mãe

PARAGUAI, Natalia Regúnega • Uma grande e agradável surpresa foi o que Juan Vicente Ramírez comunicou há alguns dias atrás. Um casal, membros da CIEES (Comunidade Internacional de Empresários e Executivos) instalaram um retábulo com a imagem da Mãe Três Vezes Admirável de Schoenstatt na entrada principal do seu armazém Pazos de Toledo, um armazém de carga e descarga de mercadorias em Ciudad del Este. —  Porquê? Natalia e Saúl dizem-nos: Após uma agradável experiência de trabalho em Ciudad del Este em 2019, decidimos , de comum acordo com aLeia mais
Regina Coeli
PAPA FRANCISCO – PENTECOSTES • Regina Coeli, na Solenidade de Pentecostes. « E também nós, às vezes acontece, preferimos permanecer entre as paredes de proteção dos nossos ambientes », mas Deus « sabe chegar até nós e abrir as portas do nosso coração ». Pentecostes envia-nos para fora. Para a zona de risco. Para as periferias. — Dentro dos grupos ligados a schoenstatt.org, partilhámos uma mensagem motivada pela imagem de Pentecostes do “Altar de Osnabrück”: a comunidade Pentecostal, a Igreja recém-nascida, à volta da mesa, firmes no vínculo ao Senhor,Leia mais
amar en tiempos de pandemia
Paz Leiva e Miguel Ángel Rubio, do 2º curso da União de Famílias da Espanha • Psicólogos, sociólogos e até mesmo políticos concordam que sairemos da pandemia diferentes: mais fortes, mais saudáveis e renovados. Aqueles que sobrevivam, é claro. Se a pandemia se estende a muitos países e ataca quase todos os indivíduos, nós schoenstattianos estamos sofrendo uma dupla pandemia: a do coronavírus e a desencadeada pelos documentos publicados por Alexandra von Teuffenbach a partir de 1º de julho do ano passado. Não vamos sair de nenhuma das duas daLeia mais
Comunidades de Schoenstatt, Redacção •  “O barco acaba de zarpar e vamos em paz nesta grande aventura. Sabemos que a Mãe de Deus é o nosso “Farol no Mar da Vida” e estamos certos de que “os Teus não perecerão”, assim escreveu o Pe. Martin Aversano, da Argentina, em Agosto de 2019, imediatamente após a fundação da União Internacional dos Sacerdotes de Schoenstatt. Mais de 60 sacerdotes de 14 países do mundo, membros da União dos Sacerdotes Diocesanos de Schoenstatt, se entregaram à aventura da unidade, para criar a UniãoLeia mais
O VÍDEO DO PAPA, Maio 2019 • Este mês, o Papa Francisco convida-nos a rezar pela Igreja em África, “para que seja fermento de unidade entre os povos e sinal de esperança para todo o continente”. — Neste mês mariano de Maio, a intenção da oração de Francisco é rezar pela Igreja em África. No seu vídeo, afirma que as divisões étnicas, linguísticas e tribais que o continente sofre “podem ser superadas promovendo a unidade na diversidade” e agradece às religiosas, sacerdotes, leigos e missionários “pelo seu trabalho em prolLeia mais
ALEMANHA, Maria Fischer • “Acho que você, em honra da nossa Mãe celeste, deve contar-nos todas as suas experiências, nas quais, Maria teve um papel importante. O que for útil publicá-lo-ei para glória de Maria e, como estímulo, para todos os Congregados. Deste modo, pode encontrar na nova “Fahne” [1] alguns extratos das cartas que, você e outros Congregados, escreveram. Ficamos nisso? Continue a ajudar-me a educar os nossos Congregados. “Uma carta de José Kentenich para Josef Fischer, o Perfeito da Congregação de Estudantes de Schoenstatt, escrita em 21 deLeia mais
ALEMANHA, Klaus Heizmann • Solteiros, casais e famílias estavam convidados para um fim-de-semana especial, de 13 a 15 de outubro. Foi uma “pausa ativa”, para poder redescobrir o próprio potencial, na Marienau, no marco ensolarado de um outubro dourado. Para isso desenhou-se um encontro pleno, com um “duelo de gigantes” que se dirigia a diversos potenciais, com um “tempo de oásis” no santuário e com diversos ateliers, que foram introduzidos de forma interativa pelo Pe. Güthlein: “O que busco? Quem quero ser? Porque vale a pena procurar?“. Ao fazê-lo, váriosLeia mais
PAPA FRANCISCO •                                                                   A tensão tem a sua raiz na natureza humana: unidade ou diversidade. A tentação da uniformidade até à ditadura, à custa da liberdade. A tentação da polarização até à criação de muros, à custa, de novo, da liberdade. O Papa Francisco, tal como anteriormente tantos santos da Igreja, tal como o Padre José Kentenich, exorta à ousadia da liberdade, à ousadia da unidade na diversidade, da diversidade em unidade. Cultura de Aliança, em palavras schoenstatteanas. Condição e fruto são um povo novo, como Dom do Espírito Santo.Leia mais