Colocado em 19. Fevereiro 2020 In Schoenstatteanos

Ordenação episcopal em 23 de Fevereiro: um sacerdote da União será ordenado Bispo de Laï, no Chade

CHADE, Redacção •

Em 23 de Fevereiro, o Pe. Nicolas Nadji Bab, membro da União dos Sacerdotes de Schoenstatt do Chade, será ordenado Bispo. Há alguns meses, quando o seu predecessor, Miguel Ángel Sebastián Martínez (MCCJ), foi nomeado Bispo de Sarh, o Padre Nicolas foi nomeado Administrador Diocesano do Bispado de Laï e, desde meados de Dezembro, foi eleito Bispo para essa Diocese pelo Papa Francisco. Para a União dos Sacerdotes é, ao mesmo tempo, uma alegria, uma honra e um compromisso que um dos seus membros seja eleito para este serviço pastoral especial. —

 

Chade (Foto: iSTock Getty Images, licensed for schoenstatt.org)

A Diocese de Laï foi criada em 1998, tem cerca de 18.050 km2 de superfície e cerca de 130.000 católicos. Mons. Nicolas será o segundo titular desta jovem sede episcopal.

Nicolas Nadji Bab nasceu a 2 de Setembro de 1969 em Béré, diocese de Laï. Entrou no Seminário de São Lucas em Bakara/N’Djamana, onde estudou filosofia e teologia. Posteriormente, obteve o Mestrado em Cooperação e Desenvolvimento Internacional pela Universidade de Santander, Espanha.

Em 11 de Maio de 2002, foi ordenado sacerdote e incardinado na Diocese de Laï. Foi pároco em Batchkoro, Laï e Ngamongo e desde 2010 é Director diocesano da Cáritas.

 

 Membro da União de Sacerdotes

O Padre Nicolas conheceu o trabalho do Movimento de Schoenstatt graças ao Padre Alois Baumberger, da Suíça, e membro da União dos Sacerdotes, que trabalhou como sacerdote Fidei Donum no bispado de Pala, no sul do Chade, durante muitos anos. Devido à sua iniciativa, alguns sacerdotes das Dioceses de Pala, Laï, Moundou e Sarh, entraram em contacto com a sua comunidade e acabaram por formar um grupo. Alguns deles aderiram à União, entre eles o Pe. Nicolas, em 2004.

No ano de 2005 esteve pela primeira vez em Schoenstatt, por ocasião da Jornada Mundial da Juventude em Colónia, onde sofreu um frio terrível durante a noite da Vigília ao ar livre.

Vinte sacerdotes pertencem à União no Chade, e quatro deles estiveram em Schoenstatt em 2019 por ocasião dos Cem Anos de Hoerde, entre eles o futuro Bispo.

O Pároco Franz Kraft, que está à frente da Região há muitos anos, está muito ligado aos seus confrades no Chade, a quem visitou muitas vezes, e fá-lo-á neste Verão, por ocasião da Consagração Perpétua de um deles. Padre Alois Baumberger será o representante da União dos Sacerdotes de Schoenstatt na Ordenação Episcopal no dia 23 de Fevereiro.

O futuro Bispo escreveu o seguinte no Natal: “Aos amigos e companheiros da Diocese de Laï“: “Agradeço a Deus por esta confiança que deposita na minha humilde pessoa. Manifesto o meu apreço e agradecimento ao Papa Francisco, assim como aos membros da Conferência Episcopal do Chade. Confio-me às vossas orações e múltiplos apoios, para poder servir esta Igreja-Família de Laï. Asseguro-vos as orações diárias da minha pobre alma. A ordenação terá lugar no dia 23 de Fevereiro. Todos vocês estão cordialmente convidados para este evento de graça, seja física ou espiritualmente”.

Devido à guerra civil e aos longos períodos de seca, o Chade pertence aos países mais pobres do mundo.

 

iStock Getty Images ID 1182838319

Com material do Reitor, Pe. Egon M. Zillekens e um artigo em schoenstatt.de em Dezembro de 2019

Original: alemão (14/2/2020). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *