Colocado em 26. Abril 2010 In Jubileo 2014

Rumo a 2014 – em aliança com a Argentina

10 de abril: Misa "en alianza con Argentina"mkf. “São 3:09h da madrugada; acabo de participar ao vivo via Internet da Santa Missa celebrada no Santuário Original. De Alta Garcia, Córdoba, Argentina, desejo ainda nesta noite agradecer a todos aqueles que possibilitaram a todos nós passarmos conjuntamente esta noite no Santuário Original. Tive a sensação de estar realmente aí. Em Maria Santíssima, uma grande saudação cordial a todos!” Este e-mail enviado por Juan Amestoy foi a primeira reação que chegou a Schoenstatt, volvidos poucos minutos do término da Santa Missa celebrada, no Santuário Original, pelas intenções das comemorações do centenário da Aliança de Amor, a ocorrer em 2014, que, neste dia 10 de abril, foi celebrada em “aliança com a Argentina”. Diante do Santuário Original, assim quanto diante do PC, no Facebook, no Chat de SchoenstattTV e por e-mail, ocorreu igualmente um jovial e surpreendente encontro, assim quanto saudações entre conterrâneos. Até no Alasca, uma jovem argentina, comovida, encontrava-se sentada diante do PC e no Santuário Original…


Misa en Alianza con Argentina“Não me havia apercebido de que somos tantos argentinos em Schoenstatt”, assim opinou a Ir. Maria José. Entrementes, muitos dos valentes que às 2:15h já se encontravam ( ou ainda) sentados diante do PC estavam admirados de que não estavam sozinhos , senão em comunhão com várias centenas de compatriotas que já deram início à grande peregrinação empreendida ao Santuário Original … rumo a 2014…”

“Em Tucumán, Argentina, graças a SchoenstattTV, abrimos, às 2:15h da madrugada, horário da Argentina, as portas do Santuário Original e, com bandeiras, echarpes, assim quanto com os corações ardentes juntamente com a Família Schoenstattiana argentina e com o mundo inteiro, saudamos o Senhor Eucarístico e a MTA, celebrando conjuntamente a Santa Missa por nosso país. Todos os nossos pedidos e presentes encontravam-se aos pés do altar. A Argentina tem mister de muita oração! Temos de lutar por nosso país. Querida Mãe: Nada sem Ti, nada sem nós!”

Banderas, peregrinas...Várias bandeiras, imagens peregrinas – com fitas nas cores da bandeira nacional da Argentina – um mate, um bombo, um cartaz com fotos e, de modo particular, um cartaz alusivo às comemoração dos 200 anos de independência da Argentina sobre o altar são a voz dos pedidos que se encontram vinculados a esta Santa Missa:

  • Por toda a Igreja na Argentina, por seus bispos, presbíteros e religiosos. De modo particular, pelo dia 8 de maio, festa da Padroeira da Argentina, quando em Lújan e em muitos demais lugares do país, a pedido do Conselho dos Leigos da Conferência Episcopal Argentina para as comemorações dos 200 anos da Independência da Argentina, ocorrerá o ato de consagração do país a Nossa Senhora mediante a “Oração pela Argentina” e , simbolicamente,com uma vela acessa, assim quanto o da coroação de Maria Santíssima como Rainha da Pátria a fim de que novamente o país se enraíze mais profundamente em Cristo.

  • Por todas as dioceses da Argentina que se preparam para a construção de seu Santuário: Bariloche, San Luís, San Rafael, Corrientes e San Juan: para que estas famílias schoenstattianas possam crescer sempre mais profundamente no espírito de Schoenstatt e estejam dispostas a sacrificar a vida pelo reino de Nossa Senhora de Schoenstatt em suas terras.

  • Pela recuperação de dois sacerdotes de Carhué que na Quinta-Feira Santa sofreram um grave acidente de viação.

  • Pelo novo curso de postulantes das Irmãs de Maria de Schoenstatt em terras argentinas.

  • Pela Juventude Schoenstattiana da Argentina, para que, a exemplo de Jere Ruiz, cuja “Cruz Negra” se encontra agora atrás do Santuário de Córdoba, aspire mais profundamente à santidade e cresça uma nova geração fundadora 2014.

  • Pelo seminarista José María Irrutería, membro da comunidade dos Padres de Schoenstatt, que neste dia foi ordenado diácono.

Uma Missa cheia de alegria, de emoção e de compromisso

P. Ángel StradaNo início desta Santa Missa, o Pe. Àngel Strada, na qualidade de presidente da celebração – tendo como concelebrante o Pe. José María García – proferiu algumas palavras acerca das comemorações dos 200 anos da independência da Argentina, a ocorrer no próximo mês de maio, assim quanto do pedido de oração dos bispos argentinos, a fim de que a Argentina se torne uma pátria para todos os argentinos, de modo particular, para os pobres, para os marginalizados, bem como para os mais desfavorecidos. Construir “uma Argentina para todos”, palavras que os bispos argentinos designam para as comemorações dos 200 anos da independência da Argentina, é o lema do ano da Família de Schoenstatt, e que, por iniciativa de Schoenstatt, penetrou nas comemorações dos 200 anos da independência da Argentina.

A animação litúrgica desta Santa Missa ficou a cargo das Irs. Rosa Maria Lamberti e Maria Julia Agüero, com o auxílio de violões. Pitty Reiche, uma argentina que vive em Vallendar, Alemanha, fez a leitura; Jorgelina Jordá distribuiu estampas com a “Oração pela Argentina”, publicada já alguns anos pelos bispos argentinos. “Quando, no Santuário Original, rezamos conjuntamente a oração pela Argentina, foi para mim o momento mais emocionante”, assim comenta uma Irmã de Maria da Argentina.

No término, como ocorrer em cada Santa Missa “2014”, todos os presentes renovaram a Aliança de Amor em espanhol, inglês, alemão… Com o hino das famílias “Estende o teu manto a nosso redor”, chega a seu término uma Santa Missa cheia de alegria, de emoção e de compromisso.

O pacto dos 200 anos de independência da Argentina, nosso compromisso pela cultura da Aliança de Amor

Lectura: Pitty Reiche“A Santa Missa acabou de terminar, mas meu coração ainda se encontra no Santuário Original, junto de Nossa Senhora, assim quanto junto de todos aqueles que possibilitaram que pudéssemos estar presentes, não somente espiritualmente, senão ao vivo”, assim escreve Silvia Losada, volvidos alguns minutos do término da Santa Missa.

“E como você, Jorgelina, disse tão belamente: Nós argentinos enchemos o Santuário! De todas as províncias, de muitos lugares rezamos pela Argentina.

Muito me emocionou ao ver as muitas imagens peregrinas com as cores de nossa bandeira nacional, bem como as bandeiras, o poncho, o bombo e, de modo bem particular, o mate!

E no dizer do Pe. Strada, neste ano das comemorações dos 200 anos de independência, a Argentina tem de colocar-se sob a proteção de Nossa Senhora.

“Estende teu manto a nosso redor”… O cântico final resumiu tudo o que suplicamos ao céu: que Nossa Senhora e seu Divino Filho encerrem em seus braços a Argentina e a protejam.

Pacto del BicentenarioO Nada sem nós não poderia faltar, o pacto dos 200 anos de independência. É o nosso compromisso como cidadãos, nosso compromisso para com um país em que ninguém seja excluído. Juntamente com Maria Santíssima, Rainha, construímos uma pátria para todos!”

Uma imagem da Mãe Peregrina, o cartaz com os dizeres: “Em aliança com a Argentina”, assim como uma bandeirinha argentina, permanecem no Santuário Original…

Para as Mães da África do Sul, esta foi já a segunda Santa “Missa 2014” em que participaram, o que deu um forte impulso a incluir na programação deste dia um encontro com um membro da “Comissão 2014” para obterem maiores informações a respeito da Conferência 2014 e dos preparativos para 2014. Transcorridas mais de três horas de encontro, faiscou a centelha, e foram feitos planos… À fasquia do telhado do Santuário Original, enviada para os países, transcorrida a Conferência 2014, no dizer das Mães, tem de ser-lhe dada a devida importância.

No próximo sábado, 17 de abril, a Santa Missa será celebrada ” em aliança com Austrália”. Nesta Santa Missa, ter-se-á outrossim particularmente presente a Família Schoenstattiana portuguesa, que, acompanhada pelo Símbolo do Pai, celebra, em Fátima, seu jubileu de ouro. No dia 17 de abril tem início a peregrinação a pé a Fátima.

Na Mediateca de schoenstattTV encontra-se à disposição de todos os interessados o vídeo desta Santa MissaVideo de la Misa en la mediateca de schoenstattTV

Tradução: Abadia da Ressurreição, Ponta Grossa, PR, Brasil