Venezuela

Colocado em 2020-10-07 In Vida em Aliança

Schoenstatt Venezuela: hoje e amanhã, um sonho que vai tomando forma

VENEZUELA/COSTA RICA, Elisa Velásquez Yépez •

Em janeiro de 2019, manifestou-se a intenção de se fazer uma visita e de se iniciar um apoio estruturado e formal ao Movimento de Schoenstatt na Venezuela, estando prevista uma visita para o primeiro trimestre de 2020; com o objectivo de dar força aos grupos missionários da Mãe Peregrina de Schoenstatt que vivem no país desde os anos 60. —

Devido à situação pandémica que o mundo enfrentou este ano, essa missão em solo venezuelano foi adiada sem um vislumbre de que, precisamente a pandemia, seria o que nos daria o novo impulso para se reactivar, coordenar e atender melhor a vida do Movimento na Venezuela.

Um começo em Barquisimeto

Um grupo de senhoras da cidade de Barquisimeto, Estado de Lara, aceitou o apelo do Coordenador da Campanha da Mãe Peregrina de Schoenstatt desta cidade, Daniel Rodríguez, para terem a primeira conversa introdutória ao Movimento e darem o seu sim à formação do primeiro grupo do Ramo das Mães desta Diocese. Nesta primeira conversa com o coordenador continental do Movimento para a América, Padre José Luis Correa Lira, concordaram em começar as suas reuniões quinzenais do grupo de formação, à distância, com um monitor venezuelano que vive na Costa Rica, através de videochamadas da WhatsApp.

A missão dos schoenstatteanos venezuelanos que vivem na Costa Rica

Por outro lado, os schoenstatteanos venezuelanos que fazem parte do grupo de dirigentes dos diferentes Ramos foram convocados na Costa Rica para que pudessem oferecer o mesmo apoio que, o Ramo das Mães oferece a outros grupos: casais, Liga Apostólica das Mães  Ramo dos Homens, Juventude (masculina e feminina) assim como Madrugadores e a Campanha da Mãe Peregrina de Schoenstatt.

No dia 8 de Julho de 2020, o dia do 100º aniversário da Ordenação sacerdotal do Padre José Kentenich, foi o dia escolhido para a primeira reunião do grupo do Ramo das Mães em Barquisimeto. A Mãe de Deus cuidou para que as dificuldades do país, tais como falhas de energia e a Internet, não fossem um obstáculo à realização da primeira reunião. Os materiais de formação foram enviados electronicamente e, todos os participantes do grupo fizeram a leitura e abriram os seus corações para que a Mãe Querida os educasse e os tornasse semelhantes a ela para serem “Pequenas Marias” e caminharem para alcançar o Ideal do Ramo: “Ser Custódias Vivas”. Até agora, o grupo tem realizado as suas reuniões regularmente.

Quatro casais venezuelanos no Curso de Introdução a Schoenstatt

A 20 de agosto de 2020, começou o Curso de Introdução a Schoenstatt (CIS) e quatro casais venezuelanos estão a participar, activamente, nos encontros à distância, e têm o apoio dos casais do CIS que, da Costa Rica, ajudarão o Ramo dos Casais a emergir.

Até à data, foram também organizados o Facebook e o Instagram do Movimento de Schoenstatt Venezuela e os designers Daniel e Julio Rodriguez desenharam o logótipo e a linha gráfica para as redes sociais na Venezuela.

Significado do logotipo: o ponto central da arte do logotipo de Schoenstatt Venezuela é a queda de água mais alta do mundo: a Queda do Anjo que, juntamente com a orquídea como flor nacional, representa a graça natural que Deus criou no nosso país. A mulher representa a Venezuela: vestida com o típico traje de dança “o joropo”, um símbolo da alegria que identifica os venezuelanos. Emoldurando estes elementos está o Santuário de Schoenstatt, que é o lugar de onde nascem as 3 graças: abrigo, transformação interior e envio apostólico.

Valencia, Puerto La Cruz…

Mais recentemente, foram estabelecidos contactos na cidade de Valencia e Puerto La Cruz para se continuar a avançar e esperamos que, os passos para a fundação formal de Schoenstatt  na Venezuela, continuem e desta forma possamos receber as graças e carismas do Movimento de Schoenstatt para chegar ao Pai pela mão da pedagogia do Pai Fundador, José Kentenich.

Contacto: [email protected]

Original: Espanhol (6/10/2020). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *