Colocado em 2020-10-29 In Vida em Aliança

Aliança de Amor: “Terço de Estrelas Brilhando por e para Maria”

COSTA RICA, Elisa Velásquez Yépez •

No dia 21 de março de 2018 um grupo de mulheres católicas e trabalhadoras decidiu começar o caminho em Schoenstatt através de um grupo de formação no Ramo de Mães da Costa Rica. Éramos o primeiro grupo a se reunir durante as noites em nosso país. Sem dúvida era um desafio para todas, mas não nos detivemos pensando nos obstáculos, pois confiávamos que a Mãe nos cuidaria, abrigaria e educaria para que conseguíssemos alcançar o ideal de ramo: Ser Custódias Vivas. —

Algumas das pioneiras deste primeiro grupo eram irmãs, mas a maioria não nos conhecíamos. Por isso logo começamos a promover a dimensão fraterna através de vinculações em nossas casas ou em outros lugares. Logo começaram as bênçãos com novas gravidezes e desfrutamos juntas de outro tipo de comemoração. Com o passar do tempo fomos descobrindo que uma de nossas fortalezas era a dimensão da fé e da oração, a qual foi provada em várias oportunidades (a grave doença do filho de uma companheira de grupo e a morte da mãe de outra). Então descobrimos que não estávamos sozinhas, que sempre tínhamos nossas irmãs de grupo.

Terço de Estrelas: Brilhando por e para Maria

Tivemos a bênção de completar nosso grupo com a incorporação de três integrantes novas e esse foi o sinal para escolhermos nosso nome de grupo: Terço de Estrelas. Éramos dez estrelas que deveriam irradiar luz como as estrelas durante a noite e para ser um terço verdadeiro – que representa nossa união na oração – faltavam as três Ave Marias finais. E eram elas…

Estávamos prontas para selar nossa Aliança de Amor no dia 18 de março de 2020 e ansiosas nos preparávamos para este grande dia quando foram fechadas as fronteiras pela pandemia. Uma de nós vivia fora do país por questões laborais, não pôde vir para este encontro e decidimos esperar.

A nova realidade

No período da pandemia, longe de enfraquecer-nos, crescemos e nos adaptamos com alegria à “nova modalidade” de reuniões periódicas por Zoom, não somente para os chás de bebês e celebrações de aniversários virtuais, mas também participando da missa com mais frequência graças à tecnologia. Algumas começaram a participar da escola de dirigentes, outras do terço virtual e também da comissão nacional de comunicação de Schoenstatt da Costa Rica. E continuamos a peregrinação da nossa Virgem Peregrina do grupo. Alguns de nossos esposos começaram conosco o curso de introdução a Schoenstatt no ramo de Casais, por isso esperamos ter uma participação dupla no Movimento.

Finalmente a Aliança de Amor 

No dia 20 de outubro de 2020, no Santuário Família de Esperança, algumas participaram presencialmente da cerimônia e outras selaram sua Aliança virtualmente. Com o mesmo grande amor pudemos realizar este anelo do nosso coração e selar a Aliança de Amor com a Mãe, oferecendo nossa contribuição ao “capital de graças”. Compartilhamos essa alegria e bênção com nossa família e amigos, os quais se conectaram de diferentes países: El Salvador, Canadá, Venezuela, México e Argentina. O Padre José Luis Correa, assessor do ramo de Mães, realizou a cerimônia de nossa Aliança e recebemos dele uma bonita e espontânea serenata; o padre José Luis não teve dúvida, pegou seu violão e cantou “María Mírame” (Maria Olha-me) no início do rito da Aliança. Nossa dirigente de ramo, Anabelle González nos representou com treze lindas rosas vermelhas, símbolo do amor que havia nos conduzido até aquele momento. Nossa dirigente de grupo Marta Herrera nos presenteou com uma linda Custódia para nossos cantinhos marianos para assim termos presente nosso ideal de ramo.

Ser estrelas que reflitam tua luz para guiar outras pessoas 

Falta-nos muito caminho a ser percorrido juntas e sabemos que com a fé na Divina Providência conseguiremos avançar em nossa missão. Rezamos com nossa oração de grupo:

“Mãe, obrigada por unir-nos e iluminar nossos corações para buscar-te. Permite-nos ser estrelas que reflitam tua luz para guiar outras pessoas para que se aproximem de sua missão. 

Mãe, oferecemos-te cada dia e em cada circunstância nossa eterna devoção, empenho, sigilo, oração. Que possamos sempre dar testemunho de tua luz, com um perpétuo sim. 

Mãe, te pedimos que nos guie e que nosso caminhar seja sempre com amor, alegria, humildade, sabedoria e fortaleza. Ajuda-nos a que nos convertamos em pequenas Marias e ser Custódias Vivas. 

Coroamos-te como Rainha e Mãe de nossas vidas. Melhor do que mostrar-nos o caminho, é que sempre caminhes conosco”.  

Original: Espanhol (28/10/2020). Tradução: Luciana Rosas, Curitiba, Brasil

Etiquetas: , , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *