Colocado em 2016-04-09 In Vida em Aliança

A misericórdia de Deus no matrimónio

PARAGUAI, Ayolas, por Papito e Chiquita Martín •

Ayolas é uma cidade situada a cerca de duas horas, de carro, de Encarnación, no sul do Paraguai, próxima das povoações de Santiago de las Misiones, San Juan Bautista e San Ignacio. Era um povo pescador e simples, vivendo nas margens do rio Paraná, que se transformou completamente com a construção da represa hidroelétrica Yacyretá, com modernas infraestruturas, que a convertem na cidade mais moderna da zona de Misiones.

Desde o princípio da fundação do ramo familiar em Ayolas, os casais pediam que se constituísse ali a Pastoral  de la Esperanza. A necessidade é grande. A realidade da família atual exige que a Igreja receba os casais em situação irregular. Eles também são membros da Igreja. Eles também são filhos de Deus… Eles também merecem a atenção da Igreja, como diz o Papa Francisco muitas vezes.

Assim os casais do Grupo 1 do Ramo Familiar: Paty e Jorge González e Eva e Alejandro Frías acompanham os casais separados em nova união. Convidaram-se os coordenadores da Campanha da Mãe Peregrina e  fundadores da Pastoral de la Esperanza em Encarnación, Julia e Rodolfo Widman, para formar o primeiro grupo, e com muito gosto aceitaram.

IMG_5641

Uma feliz coincidência

No dia da Jornada de iniciação do Ramo Familiar, o tema apresentado por Fabiana e César González, encarregados do 2º grupo de casais, foi o tema da misericórdia de Deus no matrimónio.

A resposta foi excelente. Uma grande participação de casais tornou possível a formação do segundo grupo de casais do ramo familiar, e a criação do primeiro grupo da Pastoral de la Esperanza. Com muita alegria e expectativas participaram casais de Ayolas dando o seu sim ao chamamento da Mater.

Schoenstatt chegou para ficar na “capital da energia elétrica” que ilumina tantos lares, para destacar a presença dos filhos da Mater.

IMG_5671
Original: espanhol. Tradução: Maria de Lurdes Dias, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *