Colocado em 2015-12-19 In Vida em Aliança

Ordenação Sacerdotal no Santuário Monte Sião Gikungu

BURUNDI, Diomède Mujojoma •

A Comunidade dos Padres de Schoenstatt de Monte Sião Gikungu foi agraciada com o dom dum novo sacerdote, o Pe. Yves Irakoze. A cerimónia da Ordenação teve lugar no sábado, 12 de Dezembro de 2015, no Santuário mariano de Schoenstatt Monte Sião Gikungu, no decurso da Eucaristia que começou de manhã – 9h 30m – na Igreja da Santíssima Trindade. Foi presidida pelo Monsenhor Evariste Ngoyagoye, Arcebispo de Bujumbura que, concelebrou com o Vigário Geral, com o Provincial dos Padres de Schoenstatt, com o Reitor do Santuário Monte Sião Gikungu e, ainda, com numerosos sacerdotes vindos de vários lados para dar apoio ao novo sacerdote, Yves Irakoze, o sexto padre burundiano desta Comunidade.

ob_2dd15a_dsc-0206

É-se padre pela misericórdia divina, para uma missão divina e para o povo de Deus

Nas suas palavras de boas-vindas, o Pe. Jean Bernard, Superior dos Padres de Schoenstatt de Monte Sião Gikungu, expressou a sua alegria em acolher o Diácono Yves Irakoze na Comunidade dos Padres de Schoenstatt. Pediu aos fieis para rezarem pelos Pastores em geral e, por Yves Irakoze, em particular, para que, estejam à altura da sua missão. Não se absteve de dar conselhos ao candidato ao Sacerdócio, Diácono Yves Irakoze, pedindo-lhe para conservar a sua fidelidade a Cristo, servindo-O com abnegação e, sendo um padre preocupado com a Igreja e um apaixonado por Maria. Lembrou-lhe que era Ordenado sacerdote no Ano Santo da Misericórdia, fazendo votos para que seja um padre misericordioso. A seguir, o Padre Superior acolheu, solenemente, os peregrinos chegados para a Ordenação.

Na sua breve Homilia, o Senhor Arcebispo, depois de ter explicado as três categorias de Sacramentos, isto é: os Sacramentos de Iniciação – o Baptismo, a Comunhão e a Confirmação ou Crisma – , os Sacramentos da Salvação – a Confissão e a Unção dos Doentes – e, os Sacramentos de Missão – o Matrimónio e a Ordem, sublinhou que, não se é padre por vontade pessoal mas, pela misericórdia divina, para uma missão divina e para o povo de Deus, pois é Deus quem os envia para a Sua Vinha. Antes de terminar, o Senhor Arcebispo exortou o Diácono Yves Irakoze, a entregar-se a Nossa Senhora afim de, melhor cumprir os seus compromissos sacerdotais.

Seguiu-se o momento crucial da Ordenação Sacerdotal. Convidamo-vos a acompanharem a cerimónia através do video que vos oferecemos.

VIDEO

No momento do Ofertório, os símbolos imbuídos de mensagens muito importantes, foram oferecidos ao jovem sacerdote: uma grande vela acesa rodeada por muitas velas pequeninas apagadas, um cesto de frutos e uma ovelha. Estes símbolos traduziam o desejo de ele ser portador da luz, um bom pastor e de dar muitos frutos.

A celebração prosseguiu com a Eucaristia que, a partir de certa altura, passou a ser presidida pelo novo sacerdote. Não faltaram os discursos no fim da Santa Missa, tendo o Pe. Yves falado em primeiro lugar, seguindo-se o seu pai e, finalmente, o Arcebispo de Bujumbura. O Superior dos Padres terminou a celebração com o enunciado das tarefas que esperam o novel sacerdote: ser animador das vocações no seio da Comunidade, ser Vice-Reitor do Santuário e dedicar-se à Confissão intensiva dos peregrinos, sobretudo durante este Ano Santo da Misericórdia. Os festejos continuaram no Centro Rainha da Confiança onde um “Porto de Honra” foi oferecido aos convidados.

ob_c67f70_dsc-0367

Um sinal de esperança

Esta Ordenação Sacerdotal é um sinal de esperança contra o abatimento e a resignação. Porque na sexta-feira, precisamente na véspera da Ordenação, houve um ataque dos rebeldes e, mais tarde, as forças de segurança vingaram-se, cruelmente, em vários bairros, matando quase 80 pessoas

 

Original: francês. Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *