Colocado em 2015-10-14 In Vida em Aliança

Uma sala “João Pozzobon” na Casa Padre Kentenich, em Belmonte

ROMA, BELMONTE, por Maria Fischer •

Foi na noite de 7 de Setembro, durante a reunião do Conselho Geral do Instituto dos Sacerdotes Diocesanos de Schoenstatt, em Belmonte. Decidiram ir para a frente e, que não se continuaria à espera que alguém propusesse um nome para a terceira sala de reuniões ainda livre, depois de ser ter dado os nomes do Padre Reinisch e de Gertraud von Bullion, por iniciativa dos amigos do Padre Reinisch e, pela União das Senhoras de Schoenstatt. A terceira sala terá o nome de João Pozzobon e, esperamos que, a Campanha da Mãe Peregrina, em todo o mundo, se encarregue dela!”

IMG_8932

Na encruzilhada dos três heróis

Belmonte é um lugar de iniciativas livres. Um círculo de amigos do Pe. Franz Reinisch, encabeçado pelo Pe. Martin Emge, já, há anos, se comprometeu com a conquista duma sala de reuniões, em Belmonte que, tivesse o nome deste mártir da consciência. Angariaram fundos, com tanto compromisso e criatividade que, puderam contribuir com a quase totalidade dos custos da sala. Com uma enorme alegria, viveram a bênção do quadro de Franz Reinisch, pelo Papa Francisco durante a Audiência Jubilar de 25 de Outubro de 2014.

Há, apenas, uns meses, Bettina Betzner, da União das Senhoras, perguntou se, ainda havia uma sala “sem patrocínio” e, ao receber a resposta: “são duas”, disse: “então, uma dessas salas deve ter o nome da primeira mulher de Schoenstatt, Gertraud von Bullion – e, nós, União das Senhoras, comprometemo-nos a conquistá-la material e espiritualmente. Grande foi a sua surpresa quando, o primeiro donativo para a sala chegou de alguém que, não pertence à sua comunidade mas que, se sente muito vinculada a Gertraud. “ Belmonte faz até dos “santos” duma comunidade de Schoenstatt, “santos de todos nós”, comenta feliz. No Ano da Misericórdia, um grupo de membros da União das Senhoras fará uma peregrinação a Roma e, levará um quadro grande da Gertraud para se colocar na sala. Que grande alegria quando reparou que, das janelas da Sala Gertraud se pode olhar, directamente, para Ermida, um presente desta comunidade.

E, agora, sobrava uma sala. Quem a iria assumir? Foi o Pe. Daniel Lozano, Reitor do Santuário de todos nós que, propôs adiantar-se e, oferecer uma sala a João Pozzobon.

Agora temos três salas de reuniões com os nomes de três pessoas que, cada uma à sua maneira, reflecte a totalidade de Schoenstatt, reflecte a Aliança de Amor vivida segundo a sua própria vocação. Bem-vindos todos na “encruzilhada dos três heróis”.

IMG_8927

Uma decisão num momento especial

O Conselho Geral tomou a decisão na tarde de 7 de Setembro. Onze anos atrás, exactamente a essa hora em que foi tomada a decisão, durante a Vigília nos Jardins Vaticanos, prévia à Bênção do Santuário de Belmonte, centenas de missionários da Mãe Peregrina, erguiam ao alto a sua Peregrina nos Jardins do Vaticano. Nesse momento a Imagem da MTA destinada ao Santuário de todos nós, caiu ao chão, partindo-se em mil bocados. Um sinal silencioso, forte. Aqui estamos. Nós continuamos a levar Nossa Senhora…

Seu João Pozzobon levou a Peregrina Original a Roma para, oferecer à Igreja toda a fecundidade da Campanha da Mãe Peregrina. Foi no ano de 1979.

Em 2014, a Peregrina Original, acidentada e, como símbolo da Igreja acidentada que, o Papa Francisco prefere a uma Igreja doente por permanecer, comodamente, instalada, regressou a Roma e, esteve na Audiência Jubilar com o Papa Francisco. Também visitou o Santuário de Belmonte.

Schoenstatteano em saída

Pozzobon-Arendes-PeregrinaAgora, haverá uma sala com o nome de Seu João Pozzobon, modelo do “schoenstatteano em saída”.

Que imagem de Seu João falará, nesta sala, sobre a sua vida e a sua missão? Como se vai representar, nesta sala, a missão do “burrinho da Mater”, neste novo século de Schoenstatt?

Uma missionária de Portugal enviou umas fotografias da Santa Maria, Brasil, o berço da Campanha da Mãe Peregrina, “ para o caso de, vocês quererem fazer alguma coisa com elas na sala de João Pozzobon”. Mas, a sala Pozzobon é uma oferta ao compromisso, à livre iniciativa.

“Agora, é preciso encher a sala com vida, com Capital de Graças”, disse Cristina White, missionária, desde a primeira hora, na Argentina. “E, visitá-la”.

“Em Herói hoje, há umas palavras suas muito bonitas porque contêm os elementos centrais do seu espírito schoenstatteano, eclesial e universal para Belmonte”, escreve ela e, cita-as:

“Querida Mãe e Rainha … ao renovar a consagração dos 31 anos, reconheço que, aceitaste o meu nada como, o nada, de uma criança pequenina e, fui crescendo, formado pelo Vosso Santuário e, descobrindo riquezas maravilhosas: não via mas, acreditava. Que esta grandiosa Campanha do Santo Rosário… signifique um grande florescimento espiritual na grande Obra de Schoenstatt que, se estenda por todo o mundo, para o maior bem da Santa Igreja”.

 

Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , , , , , ,