Tenhumberg Rótulo

Pe. Guillermo Carmona, Diretor Nacional do Movimento de Schoenstatt na Argentina • Estava chovendo em Schoenstatt no dia 20 de setembro quando o carro que levava o caixão do Padre Kentenich partia do Santuário Original até a Igreja da Santíssima Trindade no monte. As Irmãs de Maria rodeavam o carro, carregando em suas mãos um lírio. Assim, reconheciam como pai, aquele que, sem ter gerado vida física, se consagrou totalmente aos demais. Eu observava tudo isso desde um canto no caminho, cuidando para que tudo transcorresse em ordem. Enquanto oLeia mais
M. Fischer.• “Durante a vigília do ano de 1938, Karl Leisner entrega seu diário a seu amigo e dirigente do grupo, Heirinch Tenhumberg, pedindo-lhe que escrevesse algo ali. Fico me perguntando o que eu teria escrito no diário desse seminarista de 23 anos, conhecendo sua personalidade tão dinâmica e seu dedicado compromisso com Jesus Cristo e os jovens. O mais provável é que teria escrito as mesmas palavras que Santo Inácio de Loyola compartilhava com seus companheiros, aquelas que muitos de nós também escutamos do Padre Kentenich, como despedida emLeia mais