Kentenich Rótulo

Uma carta para os amigos e colaboradores de Belmonte • Queridos amigos y colaboradores de Belmonte: No dia 8 de dezembro será celebrado o 50º aniversário da promessa feita pela Presidência Geral ao nosso pai e profeta sobre Belmonte. Segundo parece, pertencemos à geração de Schoenstatt, que pode cumprir essa promessa. O acabamento da “Domus Pater Kentenich” (Casa Padre Kentenich) está muitopróximo. Encontramo-nos perante um acontecimento histórico. Os obstáculos, que tivemos que ultrapassar e a paciência, que tivemos que reunir, ressaltam a importância deste Centro de Schoenstatt em Roma, noLeia mais
BURUNDI, Révérien BANZIRIYUBUSA • Á volta de 500 fiéis participaram na celebração do 130º aniversário do nascimento do Padre José Kentenich, Fundador da Família de Schoenstatt. Foi no final da tarde deste 16 de Novembro de 2015, no Monte Sião GIKUNGU. As cerimónias foram assinaladas com uma Missa que começou às 17h na Capela do Santíssmo. Ao redor do Pe. Félicien Nimbona, celebrante principal, quatro sacerdotes e um diácono concelebravam. Vimos dar graças ao Senhor e rezar pelo nosso Fundador No início, o Pe. Félicien, Reitor do Santuário, recordou o motivoLeia mais
Por Melba e Pedro López, peregrinos em Belmonte de Corrientes, Argentina • De certeza que, a partir deste lugar de graças, Maria convoca, especialmente, este ano para abrirem as portas à Misericórdia, os Seus aliados, os corações filiais seguidores de José Kentenich. E, a partir de Belmonte fá-lo-á com o característico deste Santuário latino, encaixado no coração da Igreja: em Roma. É gratificante descobri-lo nas suas suaves colinas, impregnadas de história, onde se ergue com luminosidade própria: BELMONTE! Na rua Santa Gemma brilha amplo e vital com o ondear dasLeia mais
BRASIL, JUMAS Regional Sudeste, 16 novembro 2015, 130° aniverário do Pai Fundador • O ano de 2015, ano em que celebramos o jubileu do 40° aniversário da juventude masculina de Schoenstatt no Regional Sudeste, foi marcado por intensas correntes de vidas que afluíram, especialmente, da grande festividade do Centenário da Aliança de Amor. Entre os variados impulsos espirituais do Regional, a figura paternal de nosso Fundador, o Padre Kentenich, veio ganhando especial destaque e esteve presente em diversos lemas que nos impulsionaram em nossas correntes de vida, como no LemaLeia mais
ALEMANHA, por Melanie e Ulrich Grauert, María Fischer • Escutar com respeito, falar com valentia, ser dóceis ao Espírito Santo: com estas três posturas, o Papa Francisco rogou tanto a conferencia de bispos ordinária como a extraordinária um diálogo completamente aberto e honesto sobre temas críticos, também quando existam opiniões diametralmente opostas. A presença do Papa garante unidade, disse Francisco – não o compromisso preliminar para manter a paz, apenas para que todos estejam em sintonia… Precisamente isso não. Paralelamente ao sínodo dos bispos se realizou o encontro da IKAFLeia mais
ARGENTINA, por José Luis Carrizo • Em Tucumán, Argentina, 17 casais membros da Liga Apostólica das Famílias, realizaram o retiro anual orientado pelo Padre Ludovico Tedeschi com o Lema “Famílias Alegres saiamos ao encontro”. No decorrer desta atividade, que coincidia com as eleições a presidente da Argentina, rezou-se à nossa Mãe e Rainha, por um novo país que se abra ao diálogo, deixando de lado os desencontros e as divisões que houve nos últimos anos. O retiro teve um cunho de alegria pela vocação a que todos foram chamados. Ao finalizarLeia mais
Roma,  Belmonte, P. Daniel Lozano • Até agora tenho escrito que Belmonte é o sonho do Pai. O Santo Padre Francisco, na viagem apostólica aos EUA, disse às crianças de uma escola católica de Nova Iorque. referindo-se às palavras de Martin Luther King “Tenho um sonho”: “É bonito ter sonhos e é bonito lutar pelos sonhos. Não se esqueçam”. Isto inspira-me a dizer que o sonho do Pai é também o meu sonho, é o nosso sonho. Sonhar… sim, sonhar no presente que, com o Padre Kentenich, queremos dar àLeia mais
P. Joaquín Alliende Luco • Abriu-se o Sínodo das Famílias. Na Europa é outono. Nas proximidades do Santuário Original, nas colinas do Reno e do Mosela é o tempo das uvas. De vinhos e lagares. É melhor dizê-lo por outra ordem: de lagares e de vinhos porque, como rezamos no Rumo ao Céu: “sem lagar não há vinho…só o morrer ganha a batalha” (R C). Dos grãos obtemos líquido, apenas se, os esmagamos. Uma maneira muito simples é pisar a uva. Este é o trabalho do lagareiro. Do mais fundoLeia mais
Por Sarah-Leah Pimentel, África do Sul • Um dos meus hinos favoritos da igreja tem o refrão: “E eles saberão que somos cristãos pelo nosso amor.” Isto faz-me lembrar da sua antítese. Mahatma Gandhi uma vez foi citado como dizendo que tinha grande respeito por Cristo, mas não tinha grande consideração pelos cristãos. O comentário de Ghandi toca no fundo, naquilo em que nós muitas vezes não somos verdadeiramente cristãos. Ser cristão não é pelo número de missas que estamos a assistir, o número de rosários que oramos ou estarmosLeia mais
Por Rafael Mota e Otávio Cesarini Ávila, JUMAS Brasil, www.jumasbrasil.com.br • O número de refugiados que parte do norte da África e da Síria, fugindo de situações que ferem os direitos humanos como a miséria e a guerra, chamou a atenção e sensibilizou o mundo nos últimos dias. A expectativa de pisar em solo europeu, por vezes é interrompida e frustrada de maneira dramática: dos 71 imigrantes mortos e abandonados em um caminhão na Áustria ao menino morto na praia turca. Como nós schoenstattianos e parte do Jumas devemos nos colocar diante destesLeia mais