indiferença Rótulo

ROMA, por Pe. Rolando Montes de Oca •                                                                                                       “Vem tu também, queremos rasgar o véu da indiferença”, disse-me Alessandro Monteduro, Director, em Itália, da “Ajuda à Igreja que Sofre”. Pergunto-me, porque não, de facto, o número de cristãos perseguidos, no mundo, cresceu nos últimos tempos, são muitos milhões. “Iluminaremos o Coliseu de vermelho e virão altos cargos da Igreja, o Presidente do Parlamento Europeu e, sobretudo, vítimas da violência islâmica”. Poderia ser a ocasião para lhes mostrar apoio, solidariedade, e de os apoiar espiritualmente… Começa a divulgação Começo a encontrarLeia mais
ALEMANHA, por Maria Fischer • Eu tinha fome e deste-me de comer, Eu tinha sede e deste-me de beber, Fui peregrino e acolheste-me, Estava nu e vestiste-me, Estava doente e me amparaste, Estava na prisão e visitaste-me (Mt 25:35-36). Estas palavras de Jesus respondem à pergunta que surge muitas vezes nas nossas mentes e nos corações: “Onde está Deus?” Onde está Deus, se o mal está presente no nosso mundo, se há homens e mulheres que estão com fome e sede, sem abrigo, os exilados e os refugiados? Onde está Deus,Leia mais
FRANCISCO EM ROMA • No seu primeiro Ângelus de 2016, o Papa convida a abrirmos “a porta do nosso coração à Palavra de Deus, a Jesus” e, avisa-nos contra “o mal “que jaz à porta” (ver 4.7)”. Para lhe impedir a entrada, Francisco convida os crentes a andarem sempre com o livro dos Evangelhos na algibeira e lerem “todos os dias uma passagem”. Texto completo do Ângelus de 3 de Janeiro de 2016 Queridos irmãos e irmãs, bom domingo! A liturgia de hoje, segundo domingo depois do Natal, apresenta-nos oLeia mais
FRANCISCO EM ROMA • “Todos nós somos chamados a mergulhar neste oceano, a deixarmo-nos regenerar, para vencer a indiferença que impede a solidariedade e sair da falsa neutralidade que dificulta a partilha”, assegurou o Papa Francisco ao presidir, no primeiro dia do novo ano, a Missa, na Solenidade de Maria Santíssima, Mãe de Deus e a 49ª Jornada Mundial da Paz, na Basílica de S. Pedro. A seguir e, antes de rezar o Ângelus, o Pontífice convidou os peregrinos reunidos na Praça de S. Pedro a “abrirem o coração, despertandoLeia mais