doentes Rótulo

Mauricio y Ximena
CHILE, Susy Jacob • Ximena Farfán e Mauricio Toro têm estado na linha da frente da pandemia desde o seu início. Como seguramente, todas as manhãs rezam juntos no seu Santuário-Lar, onde rezam “para que a força da Aliança de Amor nos permita ser verdadeiras testemunhas de esperança neste momento tão difícil”. — São casados há 33 anos, têm 5 filhos e fazem parte do Conselho da Região da Imaculada Conceição da União dos Casais no Chile. Ximena é enfermeira, Mestre em Cuidados Paliativos, Professora na Universidade de Los Andes.Leia mais
Mons. Francisco Javier Pistilli Scorzara• Todos os que partilhamos o dom da fé e a graça redentora do baptismo estamos unidos num só Corpo, o Corpo Místico de Cristo, como ensina São Paulo na sua carta aos Coríntios (1 Cor 12, 13). Se um membro sofre, todos participam no seu sofrimento. Se um membro é saudável, todos se regozijam. Os membros feridos não são amputados, mas são assistidos e ajudados a sarar.— A pandemia do COVID-19 afecta-nos a todos, embora de formas diferentes. Por vezes afecta a unidade deste CorpoLeia mais
PARAGUAI, Sady Fleitas • No sábado, 2 de Março, regressámos com a primeira missão do ano 2019 ao IPS (Instituto de Segurança Social, hospital público criado “com o propósito de proteger a saúde dos trabalhadores por conta de outrém do Paraguai). Como é hábito, fomos com um grande grupo de amigos muito próximos, todos eles, missionários também. Estas são algumas das histórias das pessoas que visitámos com a Mãe Peregrina. Ao entrarmos no primeiro quarto, o 359, a Mater tinha-me preparada uma enorme prenda de amor: era o menino Brunito,Leia mais
PARAGUAI, por María Fischer, da redação de Schoenstatt.org • Foram, como em tantas outras ocasiões, os momentos mais emotivos desta “maratona de amor” do Papa Francisco no Paraguai: os encontros com os seus prediletos: as crianças, os pobres, os doentes, os presos, os idosos, os da periferia. Foi enorme a expectativa no e em frente ao Hospital Pediátrico Acosta Ñu. Nos arredores, madrugaram desde as três da manhã para ver o Papa. O Papa deu como exemplo a “confiança”, a “alegria” e a “ternura” das crianças doentes que visitou noLeia mais

Colocado em 17.05.2015In Campanha

Onde a Mãe os levar

ARGENTINA, San Justo – Mónica Jendrzejczyk e Cecilia Mata • Como encarar o Lema da Família de Schoenstatt Argentina para 2015 : “Em Aliança, saiamos ao encontro”? E, o gatilho foi a Via Crucis que se realizaria pelo bairro. A primeira coisa que surgiu foi:” Que lindo começar dizendo “Em Aliança, saiamos ao encontro de Jesus que, é o irmão que sofre, o necessitado!”, porquê não começar o ano oferendo-lhe tempo e entrega? No ano passado, uma Imagem da Peregrina sob a modalidade de missões especiais, chegou, vinda do SantuárioLeia mais