Colocado em 2020-06-12 In A Aliança de Amor Solidaria em tempos de coronavírus, Madrugadores

Madrugada diocesana simultânea em Nueve de Julio

ARGENTINA, Carlos Cappelletti •

Sábado, 6 de Junho de 2020. Dia da primeira Madrugada diocesana simultânea na Diocese de Nueve de Julio, Província de Buenos Aires. 51 Madrugadores presentes através do Zoom. Também seguiram a oração do Terço no Facebook Madrugadores do 9, Facebook da Igreja da Catedral e Rádio Cadena Nueve, cerca de 1500 pessoas em directo e outro tanto continua a fazê-lo, de acordo com as reproduções feitas neste momento. —

Este sábado a partir das 7 da manhã com transmissão de rádio – FM Maxima 89.9 – e a Catedral de Santo Domingo Facebook, Madrugadores do 9 e Jornal Cadena Nueve e Cadena Nueve YouTube – a Diocese de Santo Domingo juntou-se para rezar o Terço.

Depois das boas-vindas, da oração do Madrugador e das palavras motivadoras do fundador dos Madrugadores na Argentina, Roberto Horat (que recordou o Servo de Deus, Cardeal Eduardo Pironio, nascido a 9 de Julho, destacando a sua missão evangelizadora no ano do centenário do seu nascimento), foram rezados os cinco Mistérios Gozosos do Rosário, e cada Mistério foi animado a partir de uma paróquia diferente.

 

Cinco mistérios a partir de cinco cidades

Na Igreja Paroquial Catedral de Santo Domingo de Guzmán de Nueve de Julio, o Padre Guillermo Gómez (pároco) e “Bocha” Bazterra rezaram o primeiro Mistério. O segundo Mistério foi rezado a partir da Paróquia de Nossa Senhora das Dores, na cidade de Trenque Lauquen (190 km). Não há Madrugadores nesta paróquia, mas estavam presentes o Padre Juan Pellegrino (pároco) e Dante Moita.

O terceiro Mistério Gozoso foi rezado a partir da paróquia de San Martin de Porres, na cidade de Bragado (62 km); o quarto foi conduzido a partir da paróquia de San Anselmo, na cidade de Pehuajó (110 km), e o quinto Mistério foi conduzido a partir da paróquia de Nuestra Señora del Pilar, na cidade do General Viamonte (55 km).

Concluíram com a oração pelas intenções do Papa Francisco e do Bispo, a Oração pela Pátria e a leitura do Evangelho do Domingo seguinte, que foi comentada pelo Padre Manolo Prieto (sacerdote marista e Madrugador).

O importante era que as orações e as suas intenções fossem seguidas e ouvidas dos lugares mais inesperados. O importante é que todos estejam unidos por detrás da Mater, como filhos e irmãos que são em Jesus.

A última palavra de encorajamento e consideração foi dada pelo Bispo da Diocese, Monsenhor Ariel Torrado Mosconi, que convoca sempre mais homens, para se juntarem à oração em comunhão. O convite está aberto a todos aqueles que assim o desejarem.

O sonho do Pastor e dos Madrugadores

Desta forma, realizámos um sonho antigo do grupo e do Bispo diocesano: estamos felizes por termos conseguido realizar esta primeira Madrugada diocesana. Já temos o pedido de outra paróquia que quer participar na próxima Madrugada que será dentro de 14 dias. E continuaremos a convidar os diferentes párocos a juntarem-se a esta iniciativa, que é verdadeiramente obra do Espírito Santo.

Além disso, está organizada de forma a permitir que mais párocos se entusiasmem com o facto de terem os Madrugadores entre os seus paroquianos.  Sentimo-nos muito felizes e gratos à Mater por ter sido capaz de realizar este sonho e de contar com a colaboração dos párocos, que já estavam connosco às 6 h 30 da manhã para verificar se, tecnicamente, tudo iria correr bem.

“Parabéns àqueles que ‘animaram’ esta oração do Terço, que nos faz experimentar a nós próprios como povo de Deus”. Obrigado”, Octavio Galarce, fundador desta corrente, felicitou-os do Chile.

 

Original: espanhol (8/6/2020). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

 Artigo da Cadena Nueve:

La diócesis de Nueve de Julio se unió en oración

Etiquetas: , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *