Dequeni

Colocado em 2021-01-05 In Dequeni

Com “Alfombrita Viajera” (Tapetinho Viajante) estou aprendendo a cuidar da minha filha

DEQUENI, Paraguai, via www.dequeni.org.py

Com a quarentena no início de março, todos os planos tiveram que ser repensados. Motivados por nossa vocação de apoiar famílias e acompanhar crianças e adolescentes em seu desenvolvimento, nos encontramos com a necessidade de nos reinventar como muitos no país. Foi assim que apresentamos um programa renovado em formato digital e de rádio “Para viver, amar e seguir aprendendo”. —

Por meio do conteúdo digital chegamos às casas das crianças da primeira infância, com personagens divertidos como “Mochi” para brincar e aprender sobre as partes do corpo, o rosto, os números e as formas.

Eu gosto de brincar e brincar e brincar … com todos os meus brinquedos

Mónica, mãe de Jazmín (4), que participa do projeto Alfombrita Viajera de Dequení na comunidade Ypoá de Nueva Italia, é uma das mães que deu continuidade às reuniões de estimulação por meio dos grupos WhatsApp.

“Com minha filha também aprendi muitas coisas e agora com a pandemia continuamos descobrindo novas experiências como o aprendizado virtual. Com Algombrita Viajera estou aprendendo a cuidar da minha filha ”, conta Mónica, que, no meio do dia a dia, passa grande parte do tempo com a filha.

Jasmine gosta de pintar muito, principalmente o arco-íris; azul é sua cor favorita. Ela também adora compartilhar com as amigas, segundo o que ela mesma nos conta em uma breve e motivadora conversa: “Tenho muitos amigos; Moan, Analía, Giuli. Eu gosto de brincar e brincar e brincar … com todos os meus brinquedos .”

Na casa de Jasmine, por exemplo, Mochi e os bichinhos marcaram presença, graças à mãe dela, que fez cada um desses personagens para tornar o aprendizado e o canto ainda mais divertido.

Entre os vídeos favoritos de Jazmín estão “o reggae do corpo” e o “rock dos números” com os quais aprendeu a identificar as partes do corpo dançando e a contar cantando.

“Ele já conta até 20; Em casa a gente junta tampinhas para aprender de forma mais simples”, acrescenta a mãe.

Um ursinho de pelúcia com um frasco de álcool gel

Ao entrar na casa de Jazmín, vemos um ursinho de pelúcia segurando um frasco de álcool gel e um enorme cartaz que diz: Vamos nos cuidar. Esses meses nos ensinaram a assumir maior responsabilidade por nossa saúde e fortaleceram ainda mais as boas práticas. E embora de casa parecesse mais difícil, pais e filhos entenderam que são essenciais e não as deixaram de fazer, com muita criatividade envolvida. Nos enche de entusiasmo poder ver e compartilhar tais realizações neste ano desafiador.

“As pessoas me dizem ‘Nde Valé (saudação paraguaia) como você faz tudo isso sozinha? Ver Jazmín feliz e poder construir pra ela uma infância inesquecível é o que me motiva a cada dia”, afirma Mónica.

‘La Alfombrita Viajera’ chega a mais de 500 meninas e meninos de 0 a 4 anos de idade nas cidades de Ypané, San Antonio, Nueva Italia e Luque, proporcionando estimulação oportuna e gratuita em comunidades vulneráveis ​​e de difícil acesso. Durante a pandemia, Dequení continuou acompanhando o processo educativo das crianças, agregando também ações de contingência para garantir a alimentação, com refeições populares, kits de alimentos e de higiene para as famílias.


www.dequeni.org.py

Podcasts, videos, material audiovisual

Para doar - Dequeni
Pagamento via cartão de crédito
Via transferência bancária (grátis na zona SEPA):
Nome: Schönstatt-Patres International e. V.

IBAN: DE91 4006 0265 0003 1616 26
BIC/SWIFT: GENODEM1DKM
Uso previsto: Dequeni

Dequeni balance 2020

Original: Espanhol (03/01/2021). Tradução: Rafael Mota, Poços de Caldas, Brasil

Etiquetas: , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *