mundo laboral

Colocado em 2021-08-15 In Projetos

Conhecendo o mundo do trabalho, ampliando horizontes

URUGUAI, www.providencia.org.uy

Desde 2015, o Centro Educativo de Providencia tem vindo a trabalhar na concepção de um programa de formação profissional com o objectivo de criar oportunidades para jovens, entre os 18 e 29 anos de idade, na zona do Cerro Oeste acederem a um espaço de formação e apoio que lhes permita entrar e permanecer num ambiente de trabalho formal. —

Ao longo dos anos, temos vindo a desenvolver um projecto que, procura acompanhar os jovens em formação para o trabalho e construir pontes para a inserção laboral com diferentes empresas ou empreendimentos. Neste sentido, o nosso programa tem três eixos: um currículo transversal que procura desenvolver competências sócio-emocionais e instrumentais necessárias para o mundo do trabalho; um currículo da área específica de formação que é construído em conjunto com as empresas ou empreendimento em que os jovens desenvolvem o seu estágio; e o acompanhamento individual de cada um dos participantes. A este respeito, Laura Voituret, Directora Geral da Providencia, afirmou: “Para nós é fundamental considerar que, num processo educativo, estes três eixos estão inter-relacionados e que se obtêm bons resultados no trabalho conjunto e sustentado com os diferentes actores: jovens, empresas, famílias e educadores“.

Competências transversais

Em 2021 temos vindo a desenvolver três formações envolvendo 195 jovens. No entanto, 1450 jovens já se inscreveram nas formações, o que nos desafia a continuar a procurar oportunidades de projectos com diferentes empresas a fim de responder a esta procura. Por um lado, em Maio começámos a formação na área da logística juntamente com a empresa Murchison e o Instituto Nacional para o Emprego e Formação Profissional (INEFOP). Por outro lado, em Julho começámos a formação em serviço ao cliente e vendas juntamente com a English Shop Foundation. Finalmente, desde o ano passado, temos vindo a trabalhar com o INEFOP na formação de competências digitais com grupos de jovens de todo o país.

Com cada projecto, na fase de formação transversal, “trabalhamos em competências transversais ou atitudinais”, disse Matías Hochmann, o coordenador do programa. “Na fase transversal, trabalhamos também no auto-conhecimento, projectos pessoais, motivação, e na compatibilidade da dinâmica familiar e laboral“, acrescentou ele.

Durante a formação específica na empresa, os formandos adquirem uma profunda experiência prática em contacto directo com tarefas concretas, que em muitos casos é a sua primeira experiência no mundo do trabalho. Isto permite-lhes conhecer o funcionamento da empresa, aprofundar a sua formação, conhecer as especificidades das tarefas e descobrir os seus pontos fortes e as suas competências.

Uma vez terminada a formação específica na empresa e dependendo da avaliação de cada um dos jovens, a empresa pode fazer uma oferta para lá trabalharem.

Formação em logística

Em conjunto com a Murchison e INEFOP, trabalhamos através de um projecto de formação dupla, o que significa que os participantes podem encontrar um diálogo entre teoria e prática ao longo da sua formação, o que sem dúvida gera uma aprendizagem muito significativa.

A fase de formação transversal em logística foi realizada virtualmente devido à realidade sanitária, o que significou que todos os workshops foram adaptados e constituíram um grande desafio, dada a conectividade e o equipamento limitados dos jovens. Em qualquer caso, “bons resultados foram obtidos nesse sentido“, disse Matías.

A formação transversal na área logística durou quatro semanas e depois os jovens iniciaram a formação de 25 semanas na Murchison. Trata-se de um estágio remunerado através da Lei do Emprego dos Jovens, onde se avalia a pontualidade, assiduidade, empenho, envolvimento e conhecimentos mais específicos.

Uma vez iniciado o seu estágio na empresa, não perdemos o contacto com eles, mas sim, através dos acompanhamentos, vamos seguindo os participantes na empresa“, salientou Matías.

Outro aspecto chave é o contacto com os gestores da empresa, fornecendo apoio individual e de grupo. “Este acompanhamento é fundamental e é também um dos pilares importantes da formação que proporcionamos na área laboral”, acrescentou ele.

Murchison expressou grande satisfação em trabalhar em conjunto nesta dupla formação, de Providencia e da empresa. Stefany Sampietro, gestor de relações humanas, qualidade e SYSO na Murchison, disse: “Estamos a trabalhar todos os dias para proporcionar aos jovens a máxima formação, o máximo treinamento e que eles possam aprender sobre as actividades que desenvolvemos, com grande ênfase no cumprimento dos requisitos do cliente e no trabalho com segurança e saúde ocupacional. Isso, para nós, é realmente fundamental e faz parte da nossa política de gestão e dos nossos valores”.

Uma nova experiência em que os jovens aprendem dia após dia com muito entusiasmo. “Os jovens têm estado muito dispostos e renovam diariamente as nossas energias e certamente que nos desafiam”, acrescentou Stefany.

Uma grande oportunidade para aprender, crescer e se desenvolver no local de trabalho

Os jovens expressam o seu desejo de continuarem a crescer e a aprender com grande entusiasmo.

Cinthya tem 21 anos e está a participar nesta formação. Ela disse-nos que a sua experiência na empresa é muito boa. “Sinto-me muito confortável com os meus colegas e com aqueles que nos estão a ensinar. Dia após dia estamos a melhorar e sabemos coisas sobre nós próprios que não conhecíamos, tais como os workshops sobre auto-conhecimento”, disse ela.

Micaela tem 24 anos e também expressou a sua grande alegria por ter esta oportunidade. “Tanto o workshop como o estágio na empresa estão a dar-me a mim e aos meus colegas muitas ferramentas, tanto pessoalmente como em termos de aquisição de competências para conseguir um emprego”, disse ela.

Participar nesta formação para jovens significa uma grande oportunidade de aprender, crescer e se desenvolver no local de trabalho, reconhecendo as suas competências. A este respeito, Paula Bonfiglio, educadora do Programa de Formação Profissional comenta: “O mais belo é ver os jovens crescer. É impressionante ver as grandes mudanças que eles fazem em apenas algumas semanas. Descobrem em si mesmos todo o valor que têm para dar. Eles desdobram-se, crescem e transformam-se”.

Em Providencia queremos continuar a crescer para responder às exigências dos jovens. É por isso que continuamos a conceber projectos e convidamos as empresas interessadas a trabalharem em conjunto.


O Centro Educativo Providência está localizado no Morro Oeste (Montevideo, Uruguai). Surgiu em 1994, fundado por membros do Movimento de Schoenstatt e vizinhos do bairro com o objetivo de acompanhar a crianças e adolescentes da zona em seu desenvolvimento como pessoas livres, ajudá-los a descobrir suas potencialidades e acompanhá-los no desenvolvimento pleno de sua originalidade. Durante estes anos a MTA foi fazendo de Providência uma concretização do carisma missionário e pedagógico de Schoenstatt, de uma maneira particular, original, que busca criar no Uruguai uma forma de olhar a educação, de se vincular e de trabalhar a espiritualidade.
Trabalhamos actualmente com 700 crianças, jovens e suas famílias. Através do trabalho conjunto de técnicos especializados, educadores e voluntários, procuramos ter um impacto na vida das crianças e adolescentes para que as suas oportunidades educativas e de trabalho sejam aumentadas dia a dia. Em suma, o objectivo é que as crianças e os jovens encontrem um espaço onde possam desenvolver o seu potencial em liberdade e realizar os seus sonhos e iniciativas.

Para colaborar
http://www.providencia.org.uy/como-colaborar/donar/

Conta bancária na Europa:
Nome: Schoenstatt-Patres International
IBAN: DE22 4006 0265 0003 1616 07
BIC: GENODEM1DKM
Ao cuidado de: Providencia Uruguay

Original: espanhol (11/8/2021). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *