Colocado em 10. Novembro 2016 In Projetos

18 de outubro de 2016 – Dez anos do Colégio Monte Tabor em Madrid

ESPANHA, Carlos Sainz de los Terreros •

Com uma Missa festiva, em 18 de outubro de 2016 celebrou-se, em Madrid, o 10° aniversário do Colégio Monte Tabor, um centro educacional criado por famílias e para a família. Oferece educação desde os dois até os dezoito anos. Está inspirado na pedagogia do Padre José Kentenich e desenvolve uma forma diferente de educar.

A Missa foi presidida pelo Padre Juan Barbudo e concelebraram o P. Jaime Vivancos, o P. Carlos Padilla, o P. José Maria García da comunidade dos padres de Schoenstatt e o P. Diogo Barata, Superior dos Padres de Schoenstatt em Espanha; também os acompanhou o pároco D. Pablo Salvatierra, da Paróquia onde está o colégio. Toda a diretoria, várias autoridades da Prefeitura de Pozuelo de Alarcón, o patronato, os diretores e subdiretores anteriores e a Irmã Mônica Maria, em representação das Irmãs de Maria de Schoenstatt, compartilharam este momento com muitas pessoas que, ao longo destes anos, formaram parte da grande família Monte Tabor.

Neste dia o Colégio recebeu dois grandes presentes: um é o quadro que preside, junto com a Santíssima Trindade e a Mãe, em frente da Capela. Simboliza a Aliança de Amor que um 18 de outubro de 1914 firmou o Padre Kentenich com a Virgem Maria, e que foi doado pela Comunidade dos Padres de Schoenstatt ao Colégio. O outro é a Oliveira que se encontra no pátio central, e que simboliza a vida gerada no colégio. Está no lugar onde, ao final do ano letivo, colocaremos a escultura da Sagrada Família, que será conquistada durante todo este ano com capital de graças.

Ao final da Eucaristia, o Comitê Diretor entregou os prêmios Álvaro Ussía, aos Valores e ao Esforço e Trabalho acadêmico. Finalmente, todos cantaram um grande Feliz Aniversário! Sopraram as velas do bolo e entoaram o Hino do Colégio com muita força e entusiasmo.

_cm36072

Carlos Sainz de los Terreros, um dos fundadores do projeto, por ocasião do aniversário, conta sobre o caminho percorrido.

Hoje, 18 de outubro de 2016, completamos 10 anos da inauguração do colégio Monte Tabor Schoenstatt em Madrid. É uma data própria para olhar para trás e recordar como nasceu este projeto e os momentos mais importantes de seu desenvolvimento, até alcançar a feliz realidade em que se converteu: quase mil meninos e meninas, setecentas famílias, quinhentos ex-alunos e quase cem pessoas trabalhando no colégio, são apenas uma parte do profundo impacto que o colégio teve e terá para o Movimento de Schoenstatt em Madrid e na sociedade em geral. Não é possível fazer uma relação exaustiva de todas as pessoas que colaboraram desinteressadamente no mesmo, assim que peço de antemão que as ausências não se levem em consideração; estão todos em nosso coração e são, ou foram, cruciais para que nosso colégio, que é de todos, se convertesse no que é hoje e o que representa para tanta gente.

g0147

O impulso inicial

O colégio Monte Tabor nasceu do impulso conjunto dos Padres de Schoenstatt e de matrimônios da União de Famílias, constituídos na Associação Civil MTA, junto com outros matrimônios vindos da Liga e do Instituto. Lembro com clareza o dia 18 de outubro de 2001, quando, com Ambrósio e o P. Patrício, viajamos a Valdepeñas para assinar com a notaria de Álvaro Obando, a constituição da Fundação Tiempos Más Nuevos. Movia-nos a ilusão de dar a conhecer e expandir, o mais amplamente possível na sociedade espanhola, a mensagem e a pedagogia de nosso Padre Fundador, mas não tínhamos muito claro como fazê-lo. Ao fim e ao cabo, éramos profissionais em nossa área, mas ignorantes nesses assuntos.

Contávamos com a ajuda da Mãe e colocamos nosso projeto em suas mãos, confiando que nos guiaria no caminho. Foi o começo de uma etapa de cinco anos de ideias, tentativas, êxitos e fracassos e, definitivamente, de busca e consolidação do projeto final. Ainda sinto a nostalgia daqueles cafés de trabalho do patronato, ao que se havia incorporado outro Carlos (Cremades), em nosso “escritório”, que não era outro que uma cafeteria perto da casa dos Padres em Serrano, antes de ir cada um a nossos respectivos trabalhos. Nessas reuniões, discutíamos as iniciativas mais variadas, não todas acertadas, mas que Deus quis que culminassem felizmente nesse primeiro dia de aula do colégio em setembro de 2006, quando os primeiros alunos entraram no colégio Monte Tabor–Schoenstatt, ainda com cheiro a pintura fresca.

g0150

É um projeto de Maria

Sem querer ser exaustivo nos passos que se deram e as dificuldades que surgiram pelo caminho, uma coisa sim tivemos clara desde o princípio: era um projeto de nossa Mãe e nós fomos seus instrumentos para executa-lo. Somos testemunhas de intervenções suas ao longo destes anos, que só se explicam desde um firme convencimento na Divina Providência.

Menciono alguns acontecimentos importantes:

  1. A decisão de fazer um colégio com apoio público, em lugar de um colégio puramente privado. O que por um lado nos impunha claras limitações no programa educacional e na seleção das famílias, por outro, nos abria mais para a sociedade e enriquecia seu alcance apostólico.
  2. Os momentos críticos de obtenção do financiamento e mais tarde ter que construi-lo em dez meses do nada, já que o ano letivo deveria começar inevitavelmente em setembro de 2006.
  3. As dificuldades administrativas, salvas algumas vezes com acontecimentos que não duvido em qualificar de milagrosos, como a repetição das eleições de 2006 ao parlamento autônomo de Madrid, que era chave para obter o apoio público
  4. Os difíceis anos iniciais marcados pela necessidade de aceitar alunos de todas as idades, procedentes de múltiplos centros, já que havia que completar o colégio desde o começo para que fosse viável. Isto nos fez ver outra cara de nossa missão ao ver tantos meninos e meninas aos que pudemos ajudar a encontrar seu caminho na vida.

Sem esquecer a perseguição midiática e política nos meses anteriores a abertura, que, apesar da resistência e tendenciosidade, ou precisamente por isso, teve o efeito positivo de tornar conhecida e deixar bem claro nossa proposta educacional como colégio católico com apoio público. Não tenho dúvida alguma que contribuiu para atrair muitas famílias para o colégio.

Também ficará na memória de todos nós esse barracão de obra onde Bárbara, Sonsoles, Marta, Mónica, Ana, … foram capazes de transmitir sua paixão e “vender” a 600 famílias, todo um colégio que então era unicamente um casarão com duas gruas. E tantos outros momentos que não cabem aqui, mas que serviram para nos demonstrar que, sem uma intercessora como a que tínhamos no céu, ficaríamos na metade do caminho.

_cm36048

Momentos que nunca esqueceremos

Sempre sentimos o apoio dos Padres de Schoenstatt e do Movimento em geral, e também aprendemos lições valiosas dos que se opunham. Mas somente com uma convicção providencialista se pode entender que chegamos a este aniversário, com um colégio consolidado, plenamente operacional, buscado pelos pais no qual o carisma e a pedagogia do P. Kentenich se refletem no dia a dia da educação. Entretanto, somos conscientes de que isto é um processo de crescimento e aprendizagem contínuo, do qual nunca poderemos nos sentir totalmente satisfeitos.

Com apenas dois anos de funcionamento, a reação do colégio em bloco diante do assassinato de um aluno, Álvaro Ussia, foi um exemplo de firmeza, perdão e atitude cristã frente a dor. E dentro da profunda pena que sentíamos, nos fez sentir muito orgulhosos de nossos alunos, pais e professores.

Finalmente, depois de oito anos do início, pudemos coroar a Virgem como Rainha do colégio em 31 de maio de 2014, através de um processo de conquista durante um ano completo, no qual participaram alunos, pais, pessoal do colégio e patronato. Estamos seguros de que podemos contar com Ela para que siga protegendo sua obra.

161022-colegio-monte-tabor-12

Compromisso

Falando há algum tempo com Sonsoles de nossa vida, do que era importante e do que não, do trabalho, dos filhos, etc.…, coincidimos que nossa família e o colégio eram, sem dúvida, nossas duas missões, que valeram a pena dedicar nossos melhores esforços, mesmo que o resultado de ambas fique, como todas, nas mãos de Deus.

Não quero terminar estas linhas sem deixar constância de nosso agradecimento a todo o pessoal do colégio, muitos incorporados desde o princípio e outros, que já não estão na instituição, que com seu entusiasmo, profissionalismo e dedicação tornaram possível a esplêndida realidade que é hoje o colégio Monte Tabor. Também, a todas as pessoas que acreditaram no projeto quando era pouco mais que um sonho, contribuindo generosamente com seu tempo, dinheiro ou qualquer outro tipo de ajuda a avançar e superar os sucessivos obstáculos. Em especial, a todas as famílias que nos confiaram o mais querido: a educação de seus filhos, único e verdadeiro objetivo de nosso colégio, a quem esperamos não defraudar nunca.

161022-colegio-monte-tabor-07Con un po’ di materiale tratto dal sito del Colegio Monte Tabor

Fotos Carlos Sainz de los Terreros, P. José María García

Página oficial do Colégio Monte Tabor, Madrid: colegiomontetabor.es

O Colégio Monte Tabor em “Projetos”:

Colégio Monte Tabor – Madri

161022-colegio-monte-tabor-01

Original: Espanhol – Tradução: Lena Ortiz, Ciudad del Este, Paraguay

Etiquetas: , , , , , , , , , ,