Colocado em 2020-05-17 In A Aliança de Amor Solidaria em tempos de coronavírus

A Casa de Retiro de Bellavista é usada como Lar sanitário

CHILE, Octavio Galarce Barrera •

“Na realidade, a batalha de Santiago é a batalha crucial na guerra contra o Coronavírus”. Com esta frase, o ministro da Saúde do Chile, Jaime Mañalich, anunciou na quarta-feira que o governo chileno decretou uma quarentena total obrigatória para a província de Santiago, a capital do país, e outros municípios vizinhos. Este é o maior confinamento estabelecido neste país desde o início da pandemia. Há mais de dez dias que o Chile tem vindo a registar um aumento sustentado dos seus casos críticos. Nesse contexto, os peritos estão preocupados com um possível colapso do seu sistema de saúde. Já no início de Abril, o SENAMA (Serviço Nacional para Idosos) entrou em contacto com a Fundação que administra a Casa de Retiros Padre José Kentenich em Bellavista. O SENAMA procurava um local onde pudessem isolar os idosos vulneráveis para evitar o seu contágio.—

Depois de virem ver o local, realojaram os primeiros idosos (22) de uma casa em Puente Alto. Ficaram encantados com o local, com o parque e com o quão acolhedoras são as suas casas. Uma notícia muito breve no schoenstatt.org sobre este gesto de solidariedade, posteriormente publicada também na página nacional de Schoenstatt Chile, (ES) foi a mais lida durante o mês.

Duas semanas mais tarde, o Município de La Florida bateu à porta, com a mesma intenção: proteger os idosos de um possível contágio, oferecer-lhes um espaço adequado para ficarem em quarentena. Vários adultos mais velhos foram transferidos do Hogar Nuevo Amanecer e depois de outro Lar. Actualmente, na Casa de Retiro, existem cerca de 60 idosos e uma grande equipa que os cuida.

O Centro Pastoral fornece-lhes alimentação e alojamento, sendo o SENAMA e o serviço municipal de saúde responsáveis pelos cuidados de saúde e limpeza dos espaços.

Sem dúvida, a Mater está feliz por, à sombra do Seu Santuário, poder dar a graça do abrigo a estes adultos mais velhos que dele necessitam.

Álvaro Mella, Director Técnico da ELEAM (Estabelecimento de Longa Duração dos Idosos) é o responsável pelos cuidados integrais dos Idosos que se encontram nas instalações da Casa de Formação; lidera uma equipa profissional e técnica que se ocupa da saúde dos residentes.

Como foi coordenado, quem foi o articulador para que esta Casa fosse utilizada como residência temporária?

– Foi a equipa do SENAMA que articulou a residência temporária dos Idosos, que procurou um estabelecimento e um ambiente que permitissem dar estabilidade aos residentes, perante a situação mundial que se vive como resultado do COVID-19.

Como tem sido a relação com o pessoal que normalmente trabalha aqui?

– A relação que aqui, construímos com a equipa, tem sido excelente. Conseguimos coordenar-nos, com êxito, com os diferentes trabalhadores do recinto. Estou convencido de que fizeram esforços adicionais para prestar um serviço de qualidade e excelente qualidade. Só posso felicitá-los pelo grande trabalho que fazem todos os dias, em benefício dos Idosos.

Qual é o estado de saúde em que os residentes chegam?

– Todos chegaram em boas condições gerais, com o objectivo de os proteger da pandemia e de lhes proporcionar assim um local estável e seguro.

Significou alguma coisa de especial para os avós vir para este lugar em particular?

– Sem dúvida, esta casa temporária tem estado cheia de alegria e harmonia para eles. Muitos têm sido capazes de se ligar à natureza e os crentes têm sido capazes de se aproximar de Deus. Este Santuário permitiu-lhes circular livremente por espaços mágicos para eles e cheios de vida, pelo que foi muito especial, para todos eles, terem chegado aqui.

O ambiente religioso do lugar, as diferentes capelas, o Santuário, tem significado algo de especial para eles? Algum testemunho ou experiência que nos possa contar?

– Sim, é claro. Posso falar-vos da Sra. Patricia, que todos os dias reza um Terço diante da imagem de Nossa Senhora, no pátio interior da Casa Jerusalém. Tem sido fundamental para ela poder contar com esta atmosfera religiosa, pois tem muita fé e demonstra-a todos os dias.

O que significa para si trabalhar neste local com os idosos?

– Tem sido um enorme desafio e, ao mesmo tempo, é muito enriquecedor poder contribuir com um grão de areia, para aqueles que necessitam de uma velhice digna. São a população que mais precisa de nós neste momento e é por isso que existe actualmente uma equipa muito empenhada no cuidado dos idosos em geral.

 

Fonte: Revista Vínculo

Original: espanhol (15/5/2020). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *