Colocado em 2020-06-03 In A Aliança de Amor Solidaria em tempos de coronavírus, Campanha, Schoenstatt em saída

Mãe do pão e da saúde, não nos soltes da Tua mão

ARGENTINA, María Fischer, com material do Arcebispado do Paraná •

Sob o lema “Mãe do Pão e da Saúde, não nos soltes da Tua mão”, neste Domingo de Pentecostes, 31 de Maio, realizou-se a tradicional peregrinação dos trabalhadores ao Santuário de Schoenstatt, mas sem caminhantes. A quarentena obrigou a procissão a ser apenas de veículos, mas pôde ser seguida, virtualmente, através da página do Paraná para o mundo. (ES)—

A caravana, encabeçada pela Imagem Auxiliar da Campanha da Mãe Peregrina de Schoenstatt, viajou desde a catedral metropolitana até o Santuário de La Loma. Muitos habitantes saíram para a calçada para acompanhar a peregrinação. Enquanto soavam as sirenes dos bombeiros voluntários e as buzinas dos que escoltavam a Mãe Santíssima.

“Neste Domingo celebrámos a recepção da nossa Mãe no Santuário através desta peregrinação que se realiza todos os anos, para expressar gratidão e pedir em relação ao trabalho que cada um possa ter”, expressou Norberto Leiva, membro do Movimento Apostólico de Schoenstatt, em entrevista a El Once TV. “Queremos rezar por aqueles que não têm trabalho nesta situação. Esperámos que a Mãe chegasse ao Santuário e foi celebrada uma Missa de Acção de Graças para aqueles de nós que têm trabalho e para rezar por aqueles que não têm trabalho”, indicou.

E acrescentou que “como todos os anos, tivemos a colaboração dos bombeiros voluntários e de trânsito, para sair da catedral e levar a Mãe de Deus ao Santuário”.

 

Foto: Arcebispado do Paraná

Acompanharam-na desde casa com o coração.

“A Mãe cuida de nós e abriga-nos nas nossas famílias e no caminho da nossa vida”. Pelo momento que estamos a viver tivemos de restringir o acesso, mas esperemos que esta seja a vontade de Deus e que em breve acabe, para todos aqueles que querem ter o seu momento com a nossa Mãe e o Seu filho Jesus. Foi realmente uma acção muito especial que pôde ser feita, Ela está pronta para acompanhar os Seus filhos. Embora os fiéis não estivessem presentes, fizeram-no com o coração e acompanharam-na desde as suas casas e locais de trabalho”.

Desde há mais de 20 anos, a tradicional peregrinação dos trabalhadores tem sido realizada a pé desde a catedral do Paraná até ao Santuário de La Loma (cerca de 6 quilómetros).  É uma demonstração de fé popular, onde os peregrinos vêm cantar e rezar para pedir trabalho e dar graças pelo que já receberam.Acompanha-os a Imagem Auxiliar da Mãe Três Vezes Admirável e Rainha de Schoenstatt. As pessoas chegam de cidades e vilas vizinhas para participar nesta manifestação de fé e para levar consigo todas os pedidos que, anteriormente, recolheram nas suas comunidades graças à colaboração da Campanha da Mãe Peregrina de Schoenstatt.  Ao longo da peregrinação, são recolhidos alimentos não perecíveis, sapatos, material escolar e todo o tipo de ajuda para o trabalho da Cáritas diocesana.

 

Original: espanhol (2/6/2020). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *