Colocado em 27. Maio 2019 In Projetos, Schoenstatt em saída

Motociclistas Missionários de Schoenstatt comemoram 14 anos de bênçãos

PUERTO RICO, Edgardo L. Rivera Ramos •

Com a corrida intitulada A Tripla Coroa da Mãe, os Motociclistas Missionários Schoenstatt (CMMS) em Puerto Rio comemoramos 14 anos de rodar pelas ruas da pequena ilha, levando a mensagem de Maria e da Igreja a outros irmãos motociclistas. Nós também oferecemos pela saúde de uma irmã motociclista doente de um câncer.  —

No domingo 5 de maio Missionários Motociclistas Schoenstatt capítulo de Puerto Rico, nos reunimos muito cedo na cidade de Cabo Rojo, sudoeste da ilha, para visitar os três Santuários de Schoenstatt. Nós viajamos um total de 109 milhas (176 km) do primeiro santuário para o último. Também se uniram alguns irmãos de outros clubes a nós, com quem, de maneira especial, estivemos compartilhando as estradas de Porto Rico. Aproveitamos esta oportunidade para apresentar alguns dos pontos mais importantes do Movimento Apostólico de Schoenstatt: Schoenstatt e a Aliança de Amor, o Santuário e as três graças, e a coroação de Maria. Isto foi possível em coordenação com a Irmã M. Sophy Ann Rivera, Assessora da Campanha do Rosário da MTA Peregrina em Porto Rico.

Missionários com a irmã Ma. Sophy Ann, Santuário de Juana Diaz

Primeira coroa: Santuário da Solidariedade

O ponto de encontro foi o Santuário da Solidariedade, nosso Santuário Nacional, às 7h30. Tudo começou “à sombra do Santuário”, com a oração do terço, onde meditamos sobre os mistérios gloriosos da vida de nosso Senhor Jesus Cristo. Ao entrar no santuário, fiz uma introdução para a atividade, e apresentei dois novos membros do CMMS e continuou com a conversa “Schoenstatt e a Aliança de Amor “, organizada pelo irmão líder dos I Madrugadores de Maria em Porto Rico, Luis Ojeda. Em seguida, as Irmãs de Maria nos ofereceram um café da manhã e tivemos uma partilha. Finalmente, partimos para nossa próxima parada.

Segunda coroa: Santuário Cenáculo da Imaculada Mãe do Redentor

Chegamos às 11:00 horas no o Santuário Cenáculo da Imaculada Mãe do Redentor, na cidade de Juana Diaz, onde, pela Divina Providência, várias pessoas selavam a Aliança de Amor com a Mãe Três Vezes Admirável. Depois desta atividade, a celebração eucarística começou e depois tivemos a segunda palestra do dia, “O Santuário e as Três Graças”, oferecida pela Irmã M. Sophy Ann. Ela nos explicou, de maneira muito especial, como a Santíssima Mãe nos dá as graças de acolhimento, transformação interior e envio apostólico no santuário. Então, saímos para almoçar e tomar um café.

A divina providência

Visitar os três Santuários de Schoenstatt no mesmo dia em Puerto Rico, é difícil coordenar e leva várias horas para executar a atividade, especialmente se em cada santuário houver atividades e se vá em uma motocicleta. Como se isso não bastasse, coordenando as três palestras, só tínhamos quem nos desse as duas primeiras. Por compromissos anteriores, não havia uma pessoa, neste caso um padre disponível para nos dizer “O que significa coroar a Mãe de Deus?” Então eu me preparei para abordar este tema.

No final do almoço, saímos em busca do muito desejado café da tarde, o que nos consumiu muito tempo. “Chegaremos muito tarde ao Santuário de Hatillo …”, pensei, “…, mas bem, é isso que Deus quer.” E na verdade nós estávamos atrasados, mas foi um ato de Deus e verão o porquê.

 

Os missionários com o padre Luis no Santuário Magnificat

Terceira coroa: Santuário Magnificat

Quando chegamos ao terceiro e último santuário do dia, o Santuário Magnificat, na cidade de Hatillo, nos deparamos com uma grande surpresa: a atividade que impedia o Padre Luis de atender-nos acabava de terminar. Então, nós nos aproximamos para cumprimentá-lo e imediatamente, eu perguntei se ele tinha tempo para nós, ao que ele respondeu sim com um sorriso. Por essa razão, Deus nos permitiu atrasar-nos na hora de tomar o café, de modo que, ao chegar ao santuário, pudessem oferecer-nos a palestra.

Então, nós fomos para o santuário (fica em cima de uma colina), fiz um relato do que aconteceu nos outros santuários e indiquei o tema que deveria oferecer-nos: Que significa coroar a Mãe de Deus? De uma bela maneira que ele explicou que, entre outras coisas, cada coroa é diferente e que cada uma (tanto para um santuário filial, santuário lar ou santuário coração) se coroa a Mãe de Deus por motivos diferentes, pessoal, apelando às circunstâncias locais ou pessoal.

Em resumo, foi uma peregrinação maravilhosa, cheia das maravilhas de Deus e que, estou seguro, dará muito fruto espiritual aos motociclistas de Porto Rico e, especialmente, aos motociclistas missionários de Schoenstatt em Porto Rico e na Alemanha. Abaixo, comentários de alguns dos participantes:

Para mim, isso significa uma renovação da fé, assim como a renovação batismal que nos reafirma na fé e como filhos de Deus, por isso considero essa corrida. Um novo sim à Santíssima Virgem, uma nova e rejuvenescida entrega missionária para a evangelização em duas rodas e nossos coletes! “(Rubén, membro do CMMS)

Obrigado a todos Edgardo e Edgar, tremendo corrida com vocês. Deus e a Mãe Santíssima sempre protegem você. É uma honra rodar com vocês os Motociclistas Missionários do Santuário. “(Juan, membro de outro clube)

Estou muito agradecido por todos os missionários do CMMS que disseram “sim” a esta atividade (Edgar, Wilma, Rubén, Valdo, Roberto e Ivan e Yamil) e, especialmente, aos outros motociclistas que em outros meses têm-nos acompanhado em outras corridas e com quem fortalecemos novos laços de fraternidade: Juan, Héctor e Joe Pedro (Love). Deus os abençoe e a Santíssima Mãe proteja a todos!

 

Em frente ao Santuário Magnificat, Hatillo

Original: Espanhol, 13 de maio 2019. Tradução: Glaucia Ramirez, Ciudad del Este, Paraguai

Etiquetas: , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *