Colocado em 27. Julho 2016 In Santuário Original

Alterações na equipa dos Peregrinos em Schoenstatt

Alemanha, por Heinrich Brehm, Gabinete de Imprensa do Movimento de Schoenstatt na Alemanha (schoenstatt.de) •

Na sexta-feira, 15 de julho de 2016, uma missa de ação de graças seguida de uma recepção na área ao lado ‘Casa perto da casa dos peregrinos no Centro em Vallendar, assinalou a passagem de testemunho para uma nova “Equipa dos Peregrinos”. Durante treze anos, a equipa dos peregrinos era liderada pelas irmãs Anne-Meike Brück e Bernadett-Maria Schenk, e pelo Pe Franz Widmaier (foto), o Director das Peregrinações, têm trabalhado intensamente “para conectar muitas pessoas com o poder de Deus através da Mãe Santíssima e do Santuário Original “, como a Ir Anne-Meike disse nas suas palavras de agradecimento para os convidados reunidos. Naquela noite, a Ir Anne-Meike e a Ir Bernadett-Maria anunciaram oficialmente as suas despedidas e apresentaram a nova equipa, que vai começar a trabalhar em agosto.

Obrigado pelo testemunho da sua fé

Durante a Santa Missa na Igreja dos Peregrinos, o Bispo auxiliar de Trier, Jörg Michael Peters, agradeceu às duas irmãs pelo seu trabalho, que tinha demonstrado claramente que a mensagem da fé é sempre mediada por pessoas. Se o sonho de Deus da criação e para a plena realização da Sua obra ser cumprida, Ele precisa do envolvimento de pessoas; ele precisa de testemunhas do amor de Deus compreensivo. Através da atividade das pessoas, Deus quer que as pessoas possam experimentar o seu amor, que é como o amor de um Pai fielmente carinhoso e uma mãe amorosa. “Esta noite, agradecemos à Ir Anne-Meike e à Ir Bernadett-Maria pelo testemunho da sua fé e pela forma como elas foram capazes de abordar os peregrinos diretamente, acompanhá-los com inspirações, e até mesmo para angariar a cooperação de um ou de outro para o trabalho no Centro dos Peregrinos “, disse o bispo Peters. Desta forma, uma rede tem sido estendida, que dá um lar para muitas pessoas e que vai muito além do Movimento de Schoenstatt.

Com grande empenho e a Mãe de Deus a apoiá-los

Há treze anos atrás, a nova equipa dos Peregrinos atravessou uma porta sem saber exatamente o que os esperava, disse o ex-líder das peregrinações. “O degrau acima do limiar era arriscado: Uma recém-construída Igreja dos Peregrinos, uma enorme dívida, uma equipa com pouca experiência no trabalho de peregrinações. Mas tivemos grande empenho e a Mãe de Deus atrás de nós. “Além dos formatos de peregrinação existentes, como as peregrinações diocesanas do Movimento de Schoenstatt, peregrinações de grupos que vêm em autocarros e peregrinos individuais nacionais e estrangeiros, tornou-se possível através da perseverança tenaz estabelecer, por exemplo, o “Festival Internacional de Encontro”, ou a “peregrinação dos motars” com o cheiro de gasolina e o ruido dos motores. Entretanto, a última ocorreu noutros Centros de Schoenstatt. “Dez minutos no berço” durante o Natal tornou-se um motivador de multidão que ia muito além da região. O fato de que, entretanto, existem muitos pontos de contato com as missões para Estrangeiros na Alemanha, com os cristãos evangélicos e também grupos de muçulmanos, faz parte do registro da equipa de Peregrinos cessante como contributo no contato com pessoas que necessitam de apoio social, ou que despertam para a fé através de serem ajudados em tempos de crise.

Um vasto campo da solidariedade e de ajuda

A Ir Anne-Meike expressou a sua gratidão a todos os presentes pelo vasto campo da solidariedade e da ajuda que tinha experimentado como uma equipa. “Por favor, tome o nosso agradecimento muito pessoal: O Bispo Auxiliar Peter, o Dr. Alexander Saftig, o chefe-executivo do nosso distrito, a Princesa Gabriela de Sayn-Wittgenstein-Sayn, Gerd Jung, o nosso prefeito, os Padres de Schoenstatt, músicos, jardineiros, as famílias, os organizadores de grupos, a família de Schoenstatt, os superiores do Movimento, diáconos e acólitos da Santa Missa, arrumadores de carros e fotógrafos, a polícia e os bombeiros … “Um agradecimento especial é devido ao Pe Franz Widmaier, o líder das Peregrinações, que continuará no cargo, e todos os Padres de Schoenstatt e Sacerdotes diocesanos que ofereceram os seus serviços sacerdotais no Centro de Peregrinos.

A nova equipa do Centro de Peregrinos de Schoenstatt e a Casa dos Peregrinos

A Ir Bernadette-Maria apresentou as irmãs que irão constituir a nova equipa no Centro de Peregrinos de Schoenstatt e da Casa dos peregrinos.

A partir de outubro, a Ir M. Ana Teresa Nales Rückauer, uma espanhola, irá substituir a Ir Mariann Märzheuser como Superiora e Diretora da Casa dos Peregrinos.

A Ir M. Janika Trieb, da diocese de Rottenburg-Stuttgart, vai assumir a tarefa de responsável das Peregrinações no início de agosto.

A Ir M. Doriett Molenkamp, da diocese de Muenster, será responsável na nova equipa pelos peregrinos de língua alemã.

A Ir M. Lourdes Macías Graue, do México, já tem experiência no acompanhamento de peregrinos de língua inglesa e peregrinos de língua espanhola.

A Ir Maria Andrea Narváez, do Equador, vai continuar a acompanhar peregrinos de língua espanhola e grupos individuais.

A Ir M. Sara Bauer é sacristã, e a Ir M. Lisane Gosler do Brasil vai trabalhar no gabinete de informações.

Outros membros da equipa são a Ir M. Estrid Horn e a Ir M. Doris Winter, da Alemanha, e a Ir M. Isabel Machado, do Brasil. No início de agosto a Ir M. Casilda Becker, do Brasil, irá juntar-se à equipa.

A Ir M. Anne-Meike Brück, foi nomeada para coordenar o trabalho com peregrinos no Centro de Schoenstatt em Trier, a partir de outubro de 2016. A partir de agosto a Ir Bernadett-Maria Schenk irá preparar-se para uma nova tarefa no Movimento de Schoenstatt alemão. As duas irmãs estavam felizes em receber um cheque do Lions Club em Vallendar, que será usado para equipar ainda mais a Igreja dos Peregrinos. Despediram-se com as palavras: “Nós pudemos testemunhar como a Mãe de Deus trabalha a partir do Santuário Original e atrai as pessoas para si mesma. Maria vai continuar a fazê-lo “.

Fonte: schoenstatt.de           Fotos: Brehm/schoenstatt.de

Tradução: José Carlos A. Cravo, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , , ,