Colocado em 2015-09-02 In Santuário Original

Perto de mim um sírio, muçulmano, com uma vela na mão…

Schoenstatt, Pe. Franz Widmaier/Maria Fischer •

“O que eu nunca tinha sonhado…” diz o P. Franz Widmaier, tornou­‑se realidade no domingo junto ao Santuário Original.

A 22 e 23 de Agosto houve uma festa internacional em torno da “Casa dos Peregrinos” em Schoenstatt, com música ao vivo, mercado internacional, especialidades típicas dos diversos países e concertos de música de todo o mundo. “Este festival queria congregar toda a variedade das diferentes nações. Havia um programa variado de arte e cultura, música ao vivo e ofertas culinárias”, foi dizia­‑se no anúncio.

“Esta tarde, fui à nossa casa, onde vivem os nossos refugiados, fazer o convidá­‑los. Os sírios, com alguns amigos que os visitavam, e também a maioria dos afegãos aceitaram vir. Abedin (nome alterado) tocou o seu instrumento e também cantou. “No meio da festa, com toda a simplicidade, como se dela fizessem parte. Como se, não! Eles pertencem à festa. E quiseram estar presentes também para assim manifestar a sua gratidão. Quando os amigos fazem uma festa, participar é um sinal de amizade.

image4

No Santuário Original

“O festival terminou com o levar de uma grande imagem da Mãe de Deus para o Santuário Original para aí rezarmos pela paz”, diz o P. Widmaier. “Ao meu lado, um sírio, muçulmano, com uma vela na mão. Os outros do grupo também. Estavam todos com pessoas de muitas outras nações, da África e da América Latina, das Filipinas, da Indonésia… juntos, no Santuário Original. O que terá passado pela cabeça dos nossos amigos muçulmanos… ”

Na Casa de meu Pai há muitas moradas, diz Jesus. Na Casa da Virgem Maria também. A Casa do Pai não tem que ser uma única grande comuna. Nesta Casa do Pai as portas das moradas não estão fechadas.

P1010395[2]

Fotos: Gaspary, Ir. Lisane, Morfín

Original: Alemão. Tradução: Antonio Palma Ruivo, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado.