Colocado em 2012-04-01 In Santuário Original

Diariamente, no Santuário Original, será dada a bênção da noite a toda a Família de Schoenstatt

Agathe Hug. Eu devia ter cerca de oito anos de idade. Nesse tempo, gozávamos férias amiúde em Munique. Certa noite, fomos visitar a Sra. Hiereth, uma Senhora de Schoenstatt; esta já possuía um telefone – para mim, quando criança, esse já era um fascínio. Subitamente tocou o telefone; porém, a senhora Hiereth o não atendeu; a conversa foi interrompida por breves instantes; e, transcorridos breves momentos de silêncio, deu-se-lhe continuidade. Deste modo tomei conhecimento da tradição da bênção da noite. A Família de Schoenstatt havia estabelecido uma cadeia de telefones que se propagava às 21 horas, lembrando a todos a hora da bênção. Ainda demorou alguns anos até que eu compreendesse que esta bênção não era uma peculiaridade dos muniquenses, senão um costume antigo que se havia desenvolvido na Família de Schoenstatt.

Testemunhos da Primeira Grande Guerra mostram que o Padre Kentenich abençoava, várias vezes por dia, os soldados e todos aqueles que lhe eram caros; isto se tornou outrossim conhecido. Assim escreve ele em uma carta enviada a José Fischer, primeiro Prefeito da Congregação Mariana do Colégio de Schoenstatt, datada de 14 de agosto de 1941:

“Meu prezado Prefeito!

Amanhã celebra-se a Assunção de Nossa Senhora – por conseguinte, o dia estabelecido para a comunhão comunitária. Poderão porventura todos os soldados cumprir o propósito?

Konder está servindo na cidadela de Ehrenbreitstein, como voluntário. E os demais? Deles ainda nada se soube. Seja como for e suceda o que suceder: consola-me, tranquiliza-me e alenta-me extremamente a ideia de que Maria Santíssima é nossa comandante suprema e senhora. Diariamente recomendo-lhe, várias vezes, todos os nossos congregados. Ela irá assistir-nos, a fim de que todos os veramente chamados vençam a árdua prova mediante a firmeza de carácter nas colossais dificuldades atuais!

Como é bom havermos fundado a Congregação! Assim cada um tem um tanto mais de apoio. Que você permanece fiel aos verdadeiros princípios de um soldado, não nutro dúvidas a esse respeito, pois disso, uma vez mais, me convence sua amável carta, que sinceramente lhe agradeço.

Nossa casa aqui em Vallendar, em Ehrenbreistein e em Limburgo converteu-se em hospital militar. O Padre Provincial colocou todos os seus presbíteros à disposição do governo, como capelães. Ainda permaneço provisoriamente aqui.

E daqui não tenho outras notícias para lhe dar. Vá-me dando sempre notícias suas.

Apresente minhas cordiais saudações ao Vogel, a seus pais e irmãos, e envio-as especialmente a você.

Com muita estima,

J. Kentenich PSM”

E no dia 22 de maio de 1916, escreve igualmente a José Fischer:

“Meu prezado Prefeito!

(…)

Várias vezes por dia, gosto de dar-lhe minha bênção presbiteral.

(…)

Receba as minhas cordiais saudações… e bênção presbiteral

Com muita estima,

J. Kentenich”

Uma longa tradição da bênção

Outrossim posteriormente, finda a Primeira Grande Guerra, seus presbíteros colaboradores assumiram o ritual da bênção e, várias vezes por dia, enviavam a bênção presbiteral para todos os recantos do mundo.

De Dachau veio a informação de que o Padre Kentenich, juntamente com os presbíteros que se encontravam a seu redor quando remendavam os sacos de palha, abençoava reiteradamente em direção dos quatro pontos cardeais e rezava o exorcismo.

Outrossim nos é do conhecimento de que “outrora” – uma prática que, mesmo com o decorrer dos anos, tem sua importância nos dias de hoje – as pessoas se ajoelhavam frequentemente, pediam a bênção e a recebiam. E este costume permaneceu em outros grupos da Igreja Católica. A voz do povo diz que se “tem de gastar as solas dos sapatos” para receber uma bênção neossacerdotal. Também se testemunha o quanto o Padre Kentenich estimava a bênção neossacerdotal e recebia a bênção de cada neossacerdote.

A partir do dia 1º de abril de 2012: bênção da noite, no Santuário Original

No dia 1º de abril de 2012, o costume da bênção da noite passará novamente a fazer parte da programação do Santuário Original; pois às 21 horas, horário da Alemanha, antes de serem, doravante, encerradas as portas do Santuário Original, será dada a bênção da noite a toda a Família de Schoenstatt.

Assim, no dia 1º de abril, dia em que passará o Movimento Apostólico de Schoenstatt a ser o usufrutuário do Santuário Original, a bênção da noite será uma cerimônia um tanto solene. Das 20h30m até as 21h15m, horário da Alemanha, todos poderão estar presentes: fisicamente ou via Schoenstatt-TV.

 

Tradução: Abadia da Ressurreição, Ponta Grossa, PR, Brasil

2 Responses

  1. Gostaria de receber as bênçãos do Santuário de Schoenstatt diariamente às 21:00 Cimo fazer?Maria de Jesus Barbosa da Silva Tesende Resende de Goiânia

  2. que do Santuario Original a Mãe possa nos abençoar sempre e nos dar forças, coragem para continuarmos nossa caminhada.

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *