Colocado em 30. Janeiro 2017 In Aliança solidária, Francisco - iniciativos e gestos

Em Aliança Solidária com o Chile – com o Papa Francisco

VATICANO/CHILE, Maria Fischer •

São os incêndios florestais mais graves, em anos, que afectam o sul do Chile. Mais de 4 mil pessoas se desdobraram para dar resposta à emergência, entre militares, bombeiros, voluntários e brigadas, assim como, 37 aviões, camiões cisterna e maquinaria pesada para combater o sinistro. São seis as vítimas mortais dos incêndios florestais mais graves registados na história do Chile que, já consumiram mais de 190 mil hectares de bosques e de campos de agricultura no centro e sul do país, segundo as últimas informações da Corporação Nacional Florestal do Chile (Conaf). O último a perder a vida foi Hernán Avilés González, de 27 anos de idade que ficou preso no arame farpado de uma cerca enquanto tentava salvar uma família na região de Maule, sector Santa Olga de Empedrado.

O Papa Francisco reza pelos falecidos e atingidos pelos incêndios que afectam diversas zonas do Chile. Pede fortaleza e consolo para os sinistrados. E convida todos a atenuar a dor com generosidade e caridade.

Mediante uma nota do Secretário do Estado Vaticano, Cardeal Pietro Parolin, dirigida ao presidente da Conferência Episcopal do Chile, Monsenhor Santiago Silva, o Papa Francisco expressa a sua proximidade e solidariedade com as famílias que sofreram os devastadores incêndios florestais que causaram graves danos na região central do país.

O documento expressa textualmente: “O Santo Padre, ao conhecer a triste notícia dos incêndios que afectaram esse querido país, oferece sufrágios pelo eterno descanso dos falecidos”. Ao mesmo tempo, expressa a sua “proximidade espiritual aos feridos e a quantos sofrem as consequências desta catástrofe”.

O Papa também pede que se transmita aos familiares das víctimas os seus mais sentidos pêsames, ao mesmo tempo que, “eleva orações para que o Senhor conceda fortaleza e consolo aos sinistrados pelas deflagrações e inspire em todos sentimentos de solidariedade para que nestes momentos, tão difíceis, colaborem, eficientemente, com generosidade e caridade, a atenuar a dor e a superar as adversidades, enquanto lhes dá, de coração, a confortadora bênção apostólica”.

Não deixemos o Papa sózinho nas suas orações pelo Chile e contribuamos com o nosso Capital de Graças.

Iniciativas solidárias da Família de Schoenstatt do Chile

As Famílias de Schoenstatt de Rancagua e de San Fernando, há já uns dias, pediram a toda a Família de Schoenstatt do Chile para se unir ao grande esforço que estão a fazer para ajudar os irmãos de Aliança e compatriotas que perderam os seus bens materiais com esta catástrofe. Em dois postos recebem alimentos não perecíveis, água engarrafada, alimentos energéticos, fraldas, produtos de limpeza (para a casa ou para uso pessoal), roupa nova, utensílios de casa novos ou em excelentes condições, protectores solares, máscaras. Além disso, abriram uma conta bancária para receber donativos.

Pedimos a Deus Pai e à Mater que a situação não se agrave, que rapidamente esteja controlada e que abençoem e consolem de modo especial quem perdeu tudo e quem, de modo tão corajoso e desinteressado, arriscou a sua vida para combater os incêndios.

 

 

Original: espanhol. Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , , , , , ,