surf

Colocado em 2021-03-06 In Igreja - Francisco - movimentos, Schoenstatt em saída

O Surf é como uma parábola da Vida e da Fé

ARGENTINA, Mar del Plata, Pe. Santiago Arriola •

O meu nome é Santiago Arriola, tenho 38 anos, sou sacerdote da Diocese de Mar del Plata, e pertenço à União dos Sacerdotes de Schoenstatt. Sou o pároco da Paróquia do Padre Pio de Pietrelcina, situada a sul da cidade. Este mês de Fevereiro de 2021, tivemos a oportunidade de acompanhar, a partir da Pastoral Diocesana do Surf, o programa “Escuela de Mar y Praia”, juntamente com a Fundação Scholas Occurrentes. —

surf

Foi uma experiência inesquecível para jovens e adultos, para estudantes e professores. Surpreendeu-nos a todos ao entrarmos nesta experiência particular de ser e fazer escola.

A poucos metros da praia

A escola teve lugar de segunda a sexta-feira de manhã numa capela no Bairro de Acantilados, a sul da cidade de Mar del Plata, a poucos metros da praia. A actividade principal era o Surf, mas também fizemos murais colectivos e papagaios caseiros. A partir de cada uma destas actividades, abrimos os nossos corações, partilhando impressões, expressando emoções e descobrindo juntos o que estava a ser criado entre nós, através de nós e para além de nós.

Trabalhámos com grupos de dez jovens por semana, entre os 13 e 17 anos, de diferentes bairros da periferia da nossa cidade. O intercâmbio entre eles e a experiência comunitária que, se desenvolveu entre eles foi uma das grandes riquezas da experiência.

surf

A riqueza pedagógica de Scholas

Foi uma imensa alegria partilhar este mês com cada um dos jovens e, com a equipa que reunimos para levar adiante a escola. A Fundação Scholas tem uma enorme riqueza pedagógica para o nosso tempo. Neste sentido, descobri também muita comunhão com a experiência e sabedoria pedagógica do Padre Kentenich e a riqueza de Schoenstatt. Por exemplo, a pedagogia da confiança e da liberdade; a fecundidade pedagógica das vinculações, os símbolos e a arte; a certeza da bondade do ser humano e a aposta determinada pela imensa riqueza de possibilidades que, há no coração de cada pessoa, especialmente na Juventude, e muitas outras coisas.

O mar, as ondas, a prancha

Por parte da Pastoral do Surf, foi um grande presente acompanhar esta escola porque, para nós, o Surf é como uma parábola de vida e de fé. O Surf é um espaço pastoral onde encontramos Jesus e, neste encontro, aprendemos a crescer como pessoas, como crentes e nas comunidades.

O mar fala-nos da imensidão de Deus, do Seu amor insondável no qual somos convidados a mergulhar cada vez mais, e também do Seu mistério e da transcendência com que Ele nos escapa sempre e, nos excede por todos os lados. As ondas expressam a vida da graça, na qual aprendemos a subir para nos deixarmos levar. A prancha, o equilíbrio na vida, a forma orgânica de viver o quotidiano. A Natureza, a dimensão ecológica da nossa espiritualidade humana.

Espero e desejo que a “Escola de Surf Mar y Playa” tenha sido o belo e providencial início de um trabalho continuado com a Fundação Scholas Occurrentes para a alegria de muitos jovens e adultos, e para a alegria do Senhor que está vivo e nos quer vivos, partilhando e proclamando o Evangelho de mil maneiras diferentes e na infinita criatividade do Espírito para este tempo e para este mundo em que hoje nos cabe a nós caminhar.

Original: Espanhol (5/3/2021). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *