Colocado em 2020-06-28 In Igreja - Francisco - movimentos

“Vida, obra e legado do Pe. Juan Carlos Scannone SJ”

ARGENTINA, Comunicado de imprensa da CLADEES •

Diferentes instituições académicas e instituições de reflexão sobre o pensamento e o ensino social da Igreja reunir-se-ão a 4 de Julho para prestar homenagem ao teólogo argentino Juan Carlos Scannone SJ, que faleceu em Novembro de 2019.

O Padre Juan Carlos Scannone era um teólogo jesuíta argentino e professor nascido em Buenos Aires (Argentina) em 1931. Ensinou no Seminário Jesuíta de São Miguel. Obteve o seu doutoramento na Universidade de Munique na Alemanha. Foi um dos professores mais influentes no pensamento de Jorge Mário Bergoglio, que mais tarde se tornou Papa Francisco. Em 2019 foi-lhe concedido o doutoramento Honoris Causa em “Cultura de Unidade” pelo Instituto Universitário Sophia (Itália).

O Pe. Scannone é considerado uma das principais referências da escola argentina de Teologia do Povo, um ramo autónomo da Teologia da Libertação, e um professor para muitos dos teólogos da América Latina. Os princípios da Teologia do Povo articulam o cristianismo com uma visão não paternalista da Opção pelos Pobres.

 

Uma palestra para honrar a sua vida e divulgar os seus ensinamentos

Organizado pelo CLAdeES, diferentes oradores contribuirão para clarificar o público, em geral, sobre a importância das contribuições do Padre Scannone. Serão:

Dr. Piero Coda (Instituto Universitário Sophia), Pe. Dr. Carlos M. Galli (Decano da Faculdade de Teologia da UCA), Dra. Susana Nuin (CLAdeES – Sophia ALC), Pe. Dr. Daniel López S.J. (equipa jesuíta latino-americana para a reflexão filosófica), Dra. Ana Donini (Grupo Farrell) e Dra. Ariel Fresia (Grupo de Filosofia, Pessoas e Teologia).

Aqueles de nós que tiveram a graça de Deus de o conhecer, celebramos o dom da sua vida, e também a sua sabedoria, humildade e generosidade, sempre colocadas ao serviço da unidade da Igreja, da evangelização dos povos da América Latina e da construção de uma sociedade mais justa, fraterna e solidária.

Alguns meses após a sua partida, várias instituições irão reunir-se para proferirem uma palestra em homenagem ao Padre Juan Carlos Scannone, que foi também um entusiasta colaborador e animador de muitas delas.

Relativamente ao CLAdeES, participou na primeira reunião inaugural organizada pelo Centro em 2014 e depois em 2018 dissertou sobre o 50º aniversário do documento da Conferência Geral do Episcopado Latino-Americano em Medellín.

CONFERÊNCIA ONLINE: “Vida, obra e legado do Pe. Juan Carlos Scannone – O pensamento latino-americano numa chave universal”

Organizador: CLAdeES

Aderem: o Instituto de Cultura Universitária da Pontifícia Universidade Católica da Argentina (UCA-ICU), a Universidade Católica de Córdoba (UCC), a Rede Latino-Americana e das Caraíbas de Pensamento Social da Igreja (Rede LAPSI), o Instituto Universitário Sophia – América Latina e Caraíbas (Sophia ALC), o Departamento dos Leigos da Conferência Episcopal Argentina (DEPLAI) e o Grupo Farrell.

A conferência é gratuita. O encontro será transmitido pelo CLAdeESTV.

Para se inscrever, utilize por favor o seguinte formulário. (ES)

 

 

A Teologia do Povo

Aqueles que desejarem aprofundar o seu conhecimento sobre o papel do Pe. Juan Carlos Scannone SJ no pensamento do Papa Francisco, e sobre a Teologia do Povo, encontrarão uma primeira e ampla fonte no livro do Pe. Alexandre Awi “Ela é minha mãe“, escrito em português do Brasil (em 2014) e traduzido para espanhol, alemão, inglês, italiano, português de Portugal e húngaro. Outra fonte altamente recomendável é o livro: “Francisco: La alegría que brota del pueblo. Una reflexión compartida de Evangelii Gaudium”,  (Francisco: A alegria que brota do povo. Uma reflexão partilhada da Evangelii Gaudium), editado por Jorge A. Benedetti e outros, com uma contribuição do Pe. Scannone: “La inculturación en Evangelii Gaudium – Claves de Lectura” (Inculturação em Evangelii Gaudium – Chaves de Leitura), (Editora Santa María, Buenos Aires, ISBN 978-987-616-213-5).

Visita a Schoenstatt

No ano 2019, algumas semanas antes da sua morte, o Padre Scannone esteve em Schoenstatt participando no simpósio sobre a federatividade, que se realizou no contexto do 100º Aniversário de “Hoerde”, o nome de uma cidade próxima de Dortmund onde a União Apostólica de Schoenstatt foi fundada em Agosto de 1919. Anteriormente, o Pe. Scannone tinha estado também em 1985, no simpósio no contexto do 100º aniversário do nascimento do Padre Kentenich.

Original: espanhol (24/6/2020). Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Encarnação, comunhão multiforme, descentralização na unidade sinodalidade

Etiquetas: , , , , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *