Colocado em 2016-02-21 In Igreja - Francisco - movimentos

Francisco no meu México: Testemunhos de schoenstatteanos mexicanos (1)

FRANCISCO NO MÉXICO, Missa em Guadalupe, por Josefina Martínez •

Tenho muita alegria em ter esta oportunidade de contar a minha experiência do encontro que tive com o Santo Padre.

Foi tudo um presente de Deus e da Mater. Pude entrar no átrio da Basílica de Guadalupe para a Missa que, aqui, celebrou o Santo Padre no sábado 13 de Fevereiro.

Eu não tinha passe para entrar e, pedi muito à Mater que me concedesse a bênção de poder assistir. No dia anterior recebi, não só um passe mas, três, pelo que pude ir com duas sobrinhas e viver esta experiência lindíssima com essas pequenitas de quem muito gosto.

Chegámos à Basílica às 11 h da manhã, depois de passarmos seis controles de segurança. O ambiente que, se vivia ali, era de fraternidade, de companheirismo. Todos nos ajudávamos, nos estendíamos a mão, partilhávamos a sanduiche e a água. Sentia-se amor fraternal entre nós. Estivemos a cantar e a ensaiar slogans enquanto esperávamos a chegada do Santo Padre.

Eu imaginava que seria assim na época de Jesus

Quando, um pouco antes das cinco da tarde o vimos entrar, a emoção era transbordante. Chorámos ao vê-lo e ao sentir o seu olhar e a sua bênção. Eu imaginava que seria assim na época de Jesus e, esperá-l’O, escutar os Seus sermões e sentir esse olhar cheio de amor que nos mostra o rosto de Deus.

Realmente, sentia-se a presença de Deus entre nós. A Missa foi muito linda e, para mim, comungar nesse dia foi muito especial. Realmente, sentia o abraço de Jesus, a mim e à minha família. E, coloquei todos os que amo, os que não amo, os que acho simpáticos e, os que não me acham simpática, nas mãos de Nossa Senhora de Guadalupe, a nossa Querida Mãe, cuja presença também foi sentida em todos os momentos.

Foi uma bênção enorme ter estado ali! Realmente, sou uma mimada por Deus e pela “Pequena Virgem” de Guadalupe!

Galeria de fotos

Original: espanhol. Tradução: Lena Castro Valente, Lisboa, Portugal

Etiquetas: , , ,

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *