Colocado em 2015-01-01 In Comunicação

Jornal ABC de Espanha: O Papa Francisco, “Homem do Ano” em 2014

ESPANHA, Jesús Colina. O Papa Francisco voltou a ser eleito “Homem do Ano” pelos meios de comunicação, no ano de 2014. Neste segundo ano de Pontificado, o reconhecimento foi oferecido pelo jornal espanhol ABC. “Ao longo de 2014 a sua figura foi-se agigantando até se perfilar como um “Papa do mundo” e, não somente dos católicos, num prazo muito mais curto que João Paulo II, explica o ABC ao aduzir os motivos da sua eleição. (Cf. “El Papa Francisco, hombre del año”).

 

Ao terminar 2013, Francisco já tinha sido nomeado “Personalidade do Ano” pela revista “Time”. Facebook constatou que, o Pontífice tinha sido a personalidade mais mencionada nas redes sociais desse mesmo ano.

“Qual é o segredo de Francisco?” Como é possível que o aplaudam, ao mesmo tempo, o Presidente Obama e o Presidente Raúl Castro nas mensagens televisivas aos seus respectivos países? Porque é que o Congresso dos Estados Unidos o convidou, há quase um ano, para intervir perante as duas Câmaras segundo o formato do Estado da União? Porque é que o Parlamento Europeu lhe dedicou a mais estrondosa ovação de pé na história da Euro Câmara?, pergunta o correspondente do ABC, no Vaticano, Juan Vicente Boo.

Talvez porque Francisco “salta para a arena” em defesa dos fracos – responde -. Porque age, seguindo sem medo, os seus princípios éticos e os seus arrebates de coração. Porque foi, sem nenhuma comitiva, para a ilha de Lampedusa, primeiro do que a qualquer cidade italiana e, à Albânia primeiro que a qualquer outro país europeu”.

“Talvez também porque diz verdades incómodas, pondo sobre a mesa o que, outros, não se atrevem a mencionar em público. Um Papa que chama pão ao pão e vinho ao vinho – sobretudo na reforma da Cúria vaticana – cria muitos inimigos nas próprias fileiras, especialmente se critica em público os “carreiristas” e os organizadores de “escaladas” de poder.

Original espanhol: Tradução, Lena Castro Valente, Lisboa. Portugal

Fonte: aleteia.org

Artiglo completo em ABC (espanhol)

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *