2014 - Centenário da Aliança

Imprima este artigo
Creato il 2012-05-22 23:10:36 - 2014

No ano da corrente do Santuário – uma nova visão da rede dos Santuários-Lares


vem. Quantos Santuários-Lares existem, atualmente, no mundo? Como ficar sabendo disso? Existe um registro dos Santuários-Lares que se consagram todos os anos, nos diferentes países? No Equador, teve início uma campanha para inscrição de todos os Santuários-Lares daquele país. Até agora, os resultados foram muito positivos, convertendo-se, também, em uma verdadeira fonte de revitalização dos Santuários Filiais no país.

 

 

O grande jubileu de 2014, que, para o mundo de Schoenstatt, significa a aproximação ao primeiro século de sua fundação, desperta em cada membro do Movimento um desafio para cada um ser participante mas, ao mesmo tempo, autor da história. “Nem todos poderão estar presentes nesse grandioso acontecimento, que será realizado no dia 18 de outubro de 2014. Como Família, o que podemos fazer para nos unirmos espiritualmente – e desde agora – nesta celebração?” Esta pergunta é uma das ideias que motivou um grupo da Liga das Famílias de Guayaquil a realizar o projeto do “censo” de Santuários-Lares.

Um forte impulso

Quando o Pe. José Maria García visitou Guayaquil – no ano de 2010 – falou à Família daquele local sobre o Triênio de Preparação rumo a 2014, enfatizando a corrente que estamos vivenciando – a Corrente do Santuário (2011 – 2012). Sua conversa despertou, nos membros da Liga das Família, um anseio que, já algum tempo, vinha sendo cultivado nas mentes e nos corações de muitos casais. A “ideia secreta predileta” era poder viver essas correntes de forma a se converterem em uma fonte de graças, em um apostolado renovado e em uma reflexão da Aliança de Amor.

Surgiu, então, a ideia de revitalizar os Santuários-Lares do Equador, para, dali, conquistar o mundo. A meta é concreta: unir todos os Santuários-Lares do mundo e oferecer conscientemente esta rede de santuários como um modo de se aderir à Igreja de Cristo. Essa adesão surge a partir da consideração de que a família é a célula-base da sociedade e da Igreja Doméstica e visa ser fonte de renovação dessa sociedade, em conjunto com o Santuário Original e os Santuários Filiais. O projeto foi apresentado ao Conselho da Liga das Famílias do Equador e ao Pe. José Maria, em maio de 2011.

“O Santuário Original é o centro de uma rede mundial de Santuários: duzentos Santuários Filiais, com suas próprias capelas e ermidas, que se estende aos Santuários-Lares, aos Santuários do comércio, aos lugares onde haja o compromisso apostólico e em outros lugares das várias circunstâncias do dia-a-dia, até atingir o Santuário-Coração” . (Pe. José Maria García, 9/10/2011).

Qual é o objetivo?

“Queremos conseguir uma informação exata e real a respeito de quantos Santuários-Lares existem e, assim, poder entregá-los à Igreja, como colaboração e concentração da Cultura da Aliança, neste ano da Corrente do Santuário. Queremos, também, que seja um presente ao nosso Fundador, uma homenagem à sua pessoa, em gratidão por tudo que ele fez pelas famílias”, explicam os idealizadores desse projeto.

Assim, esses casais convidam a todos os membros do Movimento Apostólico de Schoenstatt, ao redor do mundo, a contribuírem com ideais e sugestões para conseguirem cumprir essa missão. “No futuro, gostaríamos de contar com um sistema no qual uma pessoa possa inscrever e mandar fotos de seu Santuário-Lar; assim, se poderia ‘visualizar’ a rede de Santuários-Lares. Talvez alguns países já possuam esse ‘cadastro’ e já exista a iniciativa de registro dos Santuários-Lares existentes... Quem sabe poderíamos unir nossos esforços e trabalhar juntos nesse projeto, para fazê-los tornar-se uma brilhante realidade!”.

Para mais informações, ou para enviar comentários e sugestões, você pode mandar e-mail para:
Martín Vilches
mavilna@aol.com


Top